Companhia de Engenharia de Tráfego

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Marronzinhos; agentes de fiscalização da CET-SP.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (ou CET) é uma empresa de economia mista vinculada à Prefeitura de São Paulo, responsável pelo gerenciamento, operação e fiscalização do sistema viário da cidade.[1] Foi criada em 1976 pelo então prefeito Olavo Egídio Setúbal. Seus agentes de fiscalização, aproximadamente 2.000, foram apelidados de "marronzinhos" por causa da cor de seus uniformes.[2] Hoje a sigla CET é utilizada em vários municípios do Brasil para designar seus departamentos de trânsito.

Arrecadação[editar | editar código-fonte]

O valor arrecadado com multas é destinado ao Fundo Municipal de Desenvolvimento de Trânsito, e daí é aplicado em projetos de mobilidade urbana. [3]

Ano Multas
(R$ milhão)
2011[4] 747
2012[3] 795,8
2013[3] 828,3

Presidentes[editar | editar código-fonte]

  • Jilmar Augustinho Tatto - atual
  • Marcelo Cardinale Branco 2010 a 2012
  • Alexandre de Moraes - 2009 a 2010
  • Francisco Macena - 2001 a 2004
  • Roberto Scaringella - 1976 a 1982, 1986 a 1987 e 2005 a 2008

Referências

  1. Prefeitura.SP - CET faz 30 anos e conta sua história em livro
  2. Três mil guardas devem ser credenciados como agente de trânsito até dezembro em SP CBN São Paulo (22 de agosto de 2014). Visitado em 24 de agosto de 2014.
  3. a b c Márcio Alves (10 de fevereiro de 2014). SP arrecada R$ 1,5 mil com multas de trânsito por minuto Metro. Visitado em 1 de dezembro de 2014.
  4. Número de multas de trânsito cresce 4,7% e bate novo recorde em SP G1 (17 de janeiro de 2014). Visitado em 1 de dezembro de 2014.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma empresa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.