Corpo ferruginoso

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Corpos ferruginosos. Coloração H&E.

Um corpo ferruginoso (pl. corpos ferruginosos) é um achado histopatológico em doenças pulmonares intersticiais sugestivo de exposição ao asbesto (asbestose). A exposição ao asbesto está associada a ocupações da construção naval e civil, entre outras.[1]

Eles aparecem como um pequeno nódulo de cor marrom nos septos alveolares. Os corpos ferruginosos são tipicamente indicativos de inalação de asbesto (quando a presença do asbesto é confirmada, eles são chamados "corpos de asbesto"). Nesse caso, eles são fibras de asbesto incapsuladas com um rico material ferroso derivado de proteínas como a ferritina e a hemossiderina. Acredita-se que os corpos ferruginosos são formados por macrófagos que fagocitaram e tentaram digerir essas fibras.[2]

Imagens adicionais[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Fauci, AS; et.al. Harrison's Principles of Internal Medicine. 17. ed. Nova Iorque: McGraw-Hill, 2008. Capítulo 250: Environmental Lung Disease.
  2. Kumar, V; et.al. Robbin`s Basic Pathology. 8. ed. Philadelphia: Saunders Elsevier, 2007. Capítulo 13: The Lung.
Ícone de esboço Este artigo sobre Medicina é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.