Euglossa bazinga

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaEuglossa bazinga
Bazingabee.jpg

Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Arthropoda
Classe: Insecta
Ordem: Hymenoptera
Família: Apidae
Subfamília: Apinae
Tribo: Euglossini
Género: Euglossa
Espécie: E. bazinga
Nome binomial
Euglossa bazinga

Euglossa bazinga é uma espécie de abelha. Descoberta pelos cientistas brasileiros André Nemésio e Rafael Ferrari, possui corpo de coloração metalizada verde-azulada e seu habitat é uma zona de transição entre a Amazônia e o Cerrado.[1] Seu epíteto específico faz referência a um bordão do personagem Sheldon Cooper da série de televisão The Big Bang Theory.[2] Ironicamente, o personagem é alérgico à picada de abelha.[3]

Distribuição e habitat[editar | editar código-fonte]

E. bazinga foi identificado nas áreas central e norte do Mato Grosso. É um dos poucos exemplos de abelhas euglossinas restritas a ambientes de Cerrado, um ecossistema similar a savana, típico da América do Sul.

Morfologia e identificação[editar | editar código-fonte]

E. bazinga é a menor espécie do subgênero Glossura, mas tem a maior língua em proporção ao tamanho do corpo.[carece de fontes?]

Referências

  1. Info. "Descoberta a abelha mais nerd do universo". Página visitada em 19 de dezembro de 2012.
  2. Abelha brasileira recebe nome em homenagem a série de TV americana (em português) Portal G1 (18/12/2012). Visitado em 25/01/2013.
  3. "The Big Bran Hypothesis". The Big Bang Theory. CBS.
Ícone de esboço Este artigo sobre insetos, integrado no Projeto Artrópodes é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.