Galáxia Seyfert

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde novembro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

As galáxias Seyfert, descobertas por Carl Keenan Seyfert em 1943, são um tipo de galáxia que possuem um núcleo muito luminoso equivalente a metade da luminosidade total da galáxia.

O espectro nuclear demonstra movimentos muito rápidos no núcleo das galáxias desse tipo. Geralmente, a emissão dessas galáxias sofre variabilidade em períodos relativamente curtos, o que leva a concluir que a fonte emissora deve ser um buraco negro, ou alguma outra coisa também muito compacta.

As galáxias Seyfert morfológicamente são simplesmente galáxias espirais com núcleos extremamente brilhantes, mas a atividade próxima ao núcleo é suficiente para classificá-las em um grupo separado.

As galáxias Seyfert são muito raras, estima-se que menos de 1% de todas as galáxias do Universo são Seyfert.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre astronomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.