Genroku

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Genroku (元禄?) é o nome que recebe um período da história cultural do Japão, caracterizado pelo desenvolvimento da cultura popular. Transcorre entre os anos 1688 e 1703, dentro do chamado período Edo, correspondente ao início da Idade Moderna naquele país, e durante o Shogunato Tokugawa. Muitas vezes a cultura Genroku é referida por historiadores como "era Geronku".

O termo foi criado pelo imperador Higashiyama.1 A era foi dividida em 16 partes.2

Mapa de Kyoto e nas imediações, por volta de 1696. Como a maioria dos primeiros mapas japoneses, este mapa não tem uma empresa de orientação direcional, e não todo o texto irradia a partir do centro.

Arte[editar | editar código-fonte]

Havia muitos artistas notáveis no domínio da literatura, pintura, gravuras, música e dança. Também foi desenvolvida dentro das artes marciais a ideia de "mestre".

Figuras importantes da era Genroku[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Titsingh, Isaac. (1834). Annales des empereurs du japon, p. 415.
  2. Traganeou, Jilly. (2004). The Tokaido Road: Traveling and Representation in Edo and Meiji Japan, p. 230.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Genroku 10º 11º 12º 13º 14º 15º 16º 17º
Gregoriano 1688 1689 1690 1691 1692 1693 1694 1695 1696 1697 1698 1699 1700 1701 1702 1703 1704

Precedido por:
Jōkyō

Era ou nengō:
Genroku

Sucedido por:
Hōei