Gordon Gano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Gano durante um concerto com os Violent Femmes em 2006.

Gordon Gano (nascido a 7 de Junho de 1963) é o vocalista e guitarrista da banda norte-americana Violent Femmes.

Primeiros anos[editar | editar código-fonte]

Gano nasceu e cresceu em Milwaukee, Wisconsin. O seu pai tocava guitarra e expôs o seu filho a um vasto leque de géneros musicais, incluindo country, show tunes e gospel.[1] As notas da compilação da banda Permanent Record descreve Gano como "um devoto Baptista".

Após terminar o ensino secundário, Gano trabalhou por algum tempo como vendedor de enciclopédias.[2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Violent Femmes[editar | editar código-fonte]

Gano formou os Violent Femmes em Milwaukee em 1980, juntamente com o baixista Brian Ritchie e o baterista Victor DeLorenzo. Depressa criaram um grupo de seguidores graças a canções como "Blister in the Sun", "Kiss Off" e "Add It Up" (todas do seu álbum homónimo de estreia). A banda experimentou uma variedade de sons ao longo da sua carreira, como o country (Hallowed Ground) e o pop-rock (The Blind Leading the Naked). O grupo separou-se brevemente em 1987, mas voltou a juntar-se, continuaram a actuar até 2007.

Solo[editar | editar código-fonte]

Durante um hiato dos Violent Femmes nos finais da década de 1980, Gano formou um grupo de gospel chamado "The Mercy Seat" com vocalista Zena Von Heppinstall, baixista Patrice Moran e o baterista Fernando Menendez. O grupo lançou o álbum "Don Moen"em 1987 pela Slash Records.

Gano lançou o seu primeiro álbum a solo em 2002, intitulado Hitting the Ground.

Ele fez um dueto (cantando em português) com Manuel Cruz, o vocalista da banda rock portuguesa Ornatos Violeta na canção Capitão Romance para o segundo e último álbum da banda antes da sua separação, O Monstro Precisa de Amigos em 1999. Gano também tocou violino[3] no álbum de Ben Vaughn Dressed in Black, de 1990.[4]

Actualmente, Gano está a escrever, gravar e actuar com ex-membros dos The Bogmen, Billy e Brendan Ryan, sob o nome GanoRyan.

Televisão[editar | editar código-fonte]

Gano fez de Mr. Zank, o primeiro de muitos professores substitutos de matemática, num episódio de The Adventures of Pete & Pete, intitulado "X=Why?".

Na cultura popular[editar | editar código-fonte]

Gano é mencionado na novela The Time Traveler's Wife de Audrey Niffenegger.[5]

Notes[editar | editar código-fonte]

  1. Band Bios: Gordon Gano. Visitado em 2007-08-20.
  2. Masino, Susan. Famous Wisconsin Musicians. [S.l.]: Badger Books LLC, 2003. p. 164. ISBN 1878569880.
  3. Gordon Gano's Side Projects. Visitado em 2007-08-22.
  4. Bogdanov, Chris Woodstra, Stephen Thomas Erlewine Summary, Vladimir. All Music Guide to Country: The Definitive Guide to Country Music. [S.l.]: Erlewine. p. 783. ISBN 0879307609.
  5. p.156