Grão-mestre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.
O Imperador Fernando I da Áustria na sua qualidade de Grão-Mestre da Ordem do Tosão de Ouro

Título de Grão-mestre é o mais alto grau em ordens honoríficas ou de mérito. Geralmente é atribuído ao Chefe de Estado ou a algum outro soberano do país aonde se instituiu a ordem.

O Grão-mestre é a máxima autoridade de uma ordem, tem poder quase absoluto, geralmente limitado no tempo por uma eleição entre os membros da ordem a que pertence

É usado para designar os líderes das Ordens de Cavalaria, maçonaria, ordens militares, ordens religiosas.

Na Maçonaria é utilizado para designar o mais alto representante de uma Potência, Grande Loja ou Obediência Maçônica. A expressão Grão-Mestre, é traduzida por maçons, como grande mestre, ou seja aquele que é responsável pela direção de uma potência maçônica estadual ou nacional. Potência tem seu significado como o conjunto de Lojas maçônicas de um mesmo rito de trabalho e de obediência ao mesmo Grande Oriente, o qual é administrado por um grão mestre e seu colegiado que são as funções de governo maçônico, presidido pelo Grão Mestre. Na Maçonaria, o Grão Mestre não tem de ter crença religiosa definida, embora nos países cristãos usualmente seja adpto do Cristianismo e aceite Deus o qual é chamado de: o Grande Arquiteto do Universo, superior a todas as inteligências e capacidades conhecidas e a descobrir.

A destituição do Grão-mestre pode ocorrer em caso de incapacidade do mesmo ou por conduta considerada perniciosa e nefasta para a ordem que gere. Para que essa destituição ocorra é necessário o acordo dos órgãos superiores da ordem.carece de fontes

Ver também[editar | editar código-fonte]