Hot money

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Hot Money (registrado no português brasileiro como dinheiro quente)[1] [2] é um termo geralmente usado nos mercados financeiros para se referir à deslocação de fundos ou capital de um país para outro por forma a conseguir ganhos rápidos devido a grandes diferenças nas taxas de juros e/ou à antecipação de diferenças cambiais. Estas deslocações de capital são chamadas de dinheiro quente porque podem deslocar-se muito rapidamente de um mercado para outro, podendo provocar instabilidade nos mesmos.[3] [4]

Por extensão de sentido, bancos comerciais utilizam o termo para se referir a empréstimos de curtíssimo prazo (de 1 a 29 dias) que visam atender as necessidades imediatas de caixa de empresas e tem como referencial uma taxa de referência como a CDI ou a Euribor, acrescida de um spread.[4] [5]

Referências

  1. Senac, Matemática Financeira, p.50.
  2. Veja, Edições 27-30, p.354.
  3. CRS Report for Congress, 21 de julho de 2008: China’s "Hot Money" Problems, por Micheal F. Martin e Wayne M. Morrison. (em inglês)
  4. a b Hot money. Glossário. Banco Central do Brasil. Página visitada em 15 de janeiro de 2014.
  5. Hot money. Caixa Geral de Depósitos. Página visitada em 15 de janeiro de 2014.
Wiki letter w.svg Este artigo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o. Editor: considere marcar com um esboço mais específico.