Humberto Porto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes fiáveis e independentes. (desde janeiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Humberto Porto (Salvador, 19 de janeiro de 1908Rio de Janeiro, 23 de setembro de 1943) foi um compositor brasileiro.[1]

Parceiro de Assis Valente, Benedito Lacerda, Herivelto Martins. Foi gravado por cantores como Carmen Miranda, Dalva de Oliveira, Francisco Alves e pelo Trio de Ouro. Na década de 1930, fazia parte da nata da música popular brasileira como compositor respeitado no meio, sendo inclusive o precursor do lamento na rítmica brasileira. Em 1973, foi gravado pela cantora Simone a música Lamento Negro (em parceria com Secondino), no disco Á Bruxelllles - Brasil Eport/73. Em suas músicas, tratava muito sobre a religiosidade baiana e sobre os negros e sua história de escravidão. Morreu uma semana depois de seu pai, suicidando-se. Muito se diz sobre sua vocação em ajudar pessoas mais humildes, recolhendo mulheres em situações de risco na rua e aplicando-lhe medicações, colocando em prática sua quase formação em medicina.

Sua música mais famosa é a marcha carnavalesca "A Jardineira".

Referências

  1. Biografia no Cravo Albin dicionariompb.com.br. Visitado em 22 de março de 2014.
Accordrelativo20060224.png Este artigo sobre um(a) músico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.