Ilha de Mármara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mármara
Map old-new Prokonnesos-pt.svg
Localização da ilha
40° 37' N 27° 37' E
Geografia física
País  Turquia
Localização Mar de Mármara
Área 117  km²
Geografia humana
População 9446 (2000)
Densidade 80,7  hab./km²
Marmara Island aerial view.jpg
Vista aérea da ilha

Mármara ou Proconeso (em turco: Marmara Adası, em grego: Προκόννησος) é uma ilha da Turquia situada no Mar de Mármara. É a maior ilha neste mar, e administrativamente pertence à província de Balıkesir. É acessível por ferribote a partir de Istambul e por barcos a motor a partir de Tekirdağ e Erdek.

O seu nome provém do grego antigo μάρμαρον (marmaron)[1] e depois de μάρμαρος (marmaros), "rocha cristalina", "pedra brilhante",[2] [3] talvez do verbo μαρμαίρω (marmairō), "brilhar",[4] pois a ilha é famosa pelo seu mármore.

Sob o nome Proconeso (Proconnesus) é uma sé titular da Igreja Católica. Esta sé está presentemente vaga.[5]

Proconeso foi sede do arcebispado das ilhas na época bizantina. A ilha foi lugar de exílio, em especial para religiosos: Estêvão, o Jovem em 754, o patriarca Miguel I Cerulário em 1058, o patriarca Arsénio I em 1264 são alguns dos exilados na ilha.

No final da Primeira Guerra Mundial a ilha era quase exclusivamente habitada por gregos ortodoxos. Foi, pelo Tratado de Lausanne, um dos territórios envolvidos na troca de populações entre a Grécia e a Turquia

Referências

Predefinição:Ilhas da Turquia