Intelsat 28

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Intelsat 28
Localização orbital 33° E (32,8° E)
Lançamento 22 de abril de 2011 (3 anos)
Veículo Ariane 5 ECA
Operador LuxemburgoIntelsat
Vida útil 15 anos
Design Orbital Sciences Corporation
Cobertura Europa
Oriente Médio
África
Órbita geoestacionária
Peso 3.000 kg

O Intelsat 28 (também chamado de IS-28 e Intelsat New Dawn) é um satélite de comunicação geoestacionário que foi construído pela Orbital Sciences Corporation (OSC). Ele está localizado na posição orbital de 33 graus leste e é de propriedade da Intelsat, empresa sediada em Luxemburgo.

História[editar | editar código-fonte]

O contrato para a construção do satélite foi emitido no final de 2008. O projeto foi desenvolvido através de uma joint venture entre a Intelsat com um grupo de investidores liderado pela Sul-Africano Convergence Partners entwickelt. O custo total dele eleva-se a cerca de 250 milhões de dólares, que são aplicados a 15% de capital próprio e 85% de crédito. No caso a Intelsat controla 75% do capital[1]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

O satélite foi lançado com sucesso ao espaço no dia 22 de abril de 2011,[2] abordo de um foguete Ariane 5 ECA lançado a partir da Base de lançamento espacial do Centro Espacial de Kourou, na Guiana Francesa. Ele tinha uma massa de lançamento de 3.000 kg. Sua vida útil estimada é de 15 anos.

Capacidade e cobertura[editar | editar código-fonte]

O Intelsat 28 é e equipado com 28 transponders em banda C, 24 em banda Ku e 36 unidades de MHz para oferecer backhaul sem fio, banda larga e programas de televisão para parte da Europa, Oriente Médio, África e regiões da África Subsaariana. Pouco tempo após o seu lançamento A Intelsat anunciou que a antena refletor do satélite de banda C não tinha sido implantada corretamente, provavelmente devido a um mau funcionamento do protetor do refletor solar. Como resultado, o protetor solar interferiu com o mecanismo de libertação de ejeção e assim impedida a implantação da antena de banda C.[3]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências