James Truslow Adams

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

James Truslow Adams (Brooklyn, Nova Iorque, 18 de outubro de 1878 - Westport, 18 de maio de 1949) foi um historiador e escritor estadunidense. Com a sua obra The Founding of New England ganhou o Prêmio Pulitzer em 1922 (categoria: "History").[1]

James Truslow Adams cunhou o termo Amercian Dream (em português: Sonho Americano), publicado pela primeira vez na sua obra The Epic of America, de 1931.

Obra[editar | editar código-fonte]

  • The Founding of New England (1921, Prêmio Pulitzer 1922)
  • Revolutionary New England (1923)
  • New England in the Republic (1926)
  • Provincial Society (1690-1763) (1927)
  • Our Business Civization (1929)
  • The Adams Family (1930)
  • The Epic of America (1931, republicado em: Simon Publications 2001 paperback: ISBN 1-931541-33-7
  • The March of Democracy (1932-1933, 2 vol.)
  • Justice Without (1933)
  • Henry Adams (1933)

Fontes[editar | editar código-fonte]

  • Who's Who on the Web, s.v. "Adams, James Truslow" (n.p.: Marquis Who's Who, 2005)
  • Library of Congress Website
  • To "Be" or to "DO" by JAMES TRUSLOW ADAMS;Forum (1886-1930); Jun 1929; VOL. LXXXI, NO. 6,; APS Online, pg. 321

Referências

  1. The Pulitzer Prizes - Awards: 1922. www.pulitzer.org. Página visitada em 2008-10-30.
Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um(a) escritor(a), poeta ou poetisa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.