Lǐ Yuánhào

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lǐ Yuánhào
Nome completo Li Weili
Nascimento 7 de Junho de 1003
Morte 19 de janeiro de 1048 (44 anos)
Nacionalidade República Popular da China chinês
Progenitores Mãe: Lady Weimu
Pai: Li Deming
Ocupação Imperador militar
Principais trabalhos O Daqing
Synem Nieba
Religião Budista

Lǐ Yuánhào (em chinês: 李元昊; n. 1003, m.1048) foi um budista, líder Tanguci, rei de O Daqing e primeiro governante da Xia Ocidental.[1]

Em 1030, venceu os uigures pertencentes à cidade de Dunhuang; organizou uma expedição contra Hosrajowi, descendente dos antigos reis de Tibete, mas esta foi um fracasso. Em 1038, ele publicou o "Synem Nieba" (isto é, imperador) tendo o nome de Jingzong (景宗) que nomeou seu reino de Xia, o que levou um conflito com a China. Em 1944, após a guerra, o imperador da Dinastia Sung renunciou a seu título, em troca de um tributo anual. Quatro anos depois, em 1948, foi assassinado por seu próprio filho, a quem ele seduziu sua namorada.[2]

Referências

  1. Gumilow L., Śladami cywilizacji Wielkiego Stepu, tłum. S. Michalski, Warszawa 1973.
  2. Zapomniane państwo Tangutów [w:] Mówią Wieki, nr 07/09 (594)