Leonid Afremov

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Leonid Afremov
Nascimento 1955[1]
Vitebsk, União Soviética (atualmente Bielorrússia)[1]
Nacionalidade Israelense[1]
Ocupação Pintor[1]

Leonid Afremov (Vitebsk, União Soviética, 1955) é um pintor israelense de origem bielorrussa. É conhecido por seus quadros coloridos e alegres e por sua técnica de pintura peculiar: uso de espátula para pintura com tinta a óleo.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Um quadro de Leonid Afremov

Graduou-se em 1978 na Escola de arte de Vitebsk, fundada por Marc Chagall em 1921. Afremov é um dos mais notáveis membros da escola, assim como Kazimir Malevich e Wassily Kandinsky. Viveu trinta e cinco anos na União Soviética, onde trabalhava pintando pôsteres de propaganda para o governo comunista. Descontente por ter o governo lhe ditando o que e como pintar, mudou-se para Israel em 1990.[2]

Em Israel, conseguiu, em duas semanas, um emprego em uma agência de publicidade, pintando outdoors. Pouco antes de uma exposição, invadiram, roubaram e vandalizaram seu estúdio. Sua obra foi mal recebida: as pinturas de homens e mulheres nus chocaram a sociedade, assim como a representação de músicos de jazz negros foi mal vista por quem julgava que o artista deveria representar israelenses. Ademais, Leonid sentiu-se discriminado por não ser um israelense nato de modo que, em 2001, migrou para os Estados Unidos da América.[2]

Nos Estados Unidos, viveu primeiramente em Nova Iorque, onde alcançou grande sucesso. Seus quadro são expostos lado a lado com artistas como Rembrandt. Suas obras são expostas em mais de sessenta galerias da Nova Zelândia, Austrália, África, Israel e EUA. Após viver dois anos em Nova Iorque, mudou-se para Boca Raton, Flórida, onde vive atualmente com sua família pois julgava que o clima frio estava prejudicando seu trabalho, tornando-o mais sombrio e menos vívido.[2]

Leonid é casado, sua esposa chama-se Inna. Têm dois filhos, David e Boris.[2]

Estilo[editar | editar código-fonte]

Leonid Afremov é conhecido por usar uma técnica pouco usual de pintura. Pinta seus quadros não com pincéis, mas com espátulas, geralmente usadas apenas para limpar a tinta das paletas e telas.[2] [1]

Suas pinturas descritas como "positivas" e "alegres". Seus quadros são geralmente muito luminosos e coloridos.[1]

Algumas exposições[editar | editar código-fonte]

  • 1977 Students' Anniversary, Vitebsk
  • 1990 Soviet Artists' Union, Vitebsk
  • 1989 Judaica Paintings, Moscou
  • 1991 Amaliya Arbel Art Gallery, Rishon Lezion, Israel
  • 1992 Judaica Paintings, Ramat Gan Museum
  • 1994 Judaica Paintings, Museu de Arte de Tel Aviv, Tel Aviv
  • 1997 Anniversary Exhibition, Museu de Ashdod
  • 1994 Lapid Art Gallery, Ashdod
  • 1995 Dilon Art Gallery, Jaffa
  • 1998 Opera House Art Gallery, Tel Aviv
  • 1999 Ofir Art Gallery, Ramat Aviv, Tel Aviv

Referências

  1. a b c d e f Leonid Afremov. Fine Art America. Página visitada em 3 de março de 2011.
  2. a b c d e Samantha Andrews (23 de março de 2009). Painting His Past With Emotion. Deviant Art. Página visitada em 3 de março de 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]