Luke Chambers

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Luke Chambers
Luke Chambers
Informações pessoais
Nome completo Luke Chambers
Data de nasc. 28 de Setembro de 1985 (29 anos)
Local de nasc. Kettering, Reino Unido
Altura 1,85 m
Informações profissionais
Clube atual Inglaterra Nottingham Forest
Número 4
Posição Zagueiro
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
20032007
2007
Inglaterra Northampton
Inglaterra Nottingham Forest
124 (1)
172 (17)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 07 de outubro de 2011.


Luke Chambers (nascido em 28 de setembro de 1985 em Kettering) é um futebolista inglês que joga atualmente pelo Nottingham Forest. Ele é um zagueiro, mas também tem jogado como lateral-direito.

Career[editar | editar código-fonte]

Northampton Town[editar | editar código-fonte]

Chambers fez sua estréia contra o Mansfield em 2003. Depois de ter impressionado na equipe principal por 3 temporadas, mais ou menos, ele foi nomeado capitão pelo então manager do Northampton Colin Calderwood, que mais tarde o contratou para Nottingham Forest. Seu único gol como jogador Northampton veio contra Swansea City em Outubro de 2006.

Nottingham Forest[editar | editar código-fonte]

Chambers assinou com o Forest por um valor não revelado em 30 de janeiro de 2007. Sua estréia veio na derrota pela Carling Cup fora de casa contra Bradford City. Em sua primeira temporada, ele era usado principalmente como um substituto.

Sua grande chance veio na temporada 2007-08. Embora, naturalmente, um zagueiro, Chambers foi jogado para a lateral direita para compôr a defesa do Forest que bateu um recorde de apenas 24 gols sofridos, conseguindo a promoção para a Championship, segunda divisão inglesa. Nessa temporada ele marcou 8 gols no total, seis deles na liga.

Em 4 de agosto de 2008, Chambers assinou um novo contrato de três anos, mantendo-se no City Ground até 2011.

Ele começou a temporada 2008-09 novamente como lateral direito. Com a chegada do novo técnico Billy Davies, em janeiro de 2009, foi que Chambers foi finalmente deslocado para sua posição de origem, a Zaga central. Ele brilhou na reta final da temporada e ajudando o Forest a evitar o rebaixamento. Ele marcou dois gols.

Ele começou a temporada 2009-10 como ele tinha terminado a última e marcando 2 gols no processo. Isso não foi suficiente para mantê-lo na equipe titular do técnico Billy Davies, e o retorno de Kelvin Wilson de lesão, combinando com a presença de Chris Gunter na lateral-direita, vez com que Chambers terminasse a temporada com um número limitado de aparências.

Chambers começou a temporada 2010-11 novamente como reserva, no entanto, devido a lesões e a má forma física de Kelvin Wilson, ele teve a oportunidade de se firmar como titular. Ele impressionou com performances consistentes, mantendo Wilson fora do primeiro time e tornando-se a primeira escolha no centro da zaga do Forest. Ele começou 45 partidas no campeonato, marcando 6 gols, incluindo dois na vitória por 5-1 sobre Scunthorpe United. Ele foi eleito o Jogador do Ano da temporada 2010-11.

Excelente forma de Chambers na temporada 2010-11 resultou do interesse da Federação da República da Irlanda de Futebol a assediar Chambers a defender a Seleção daquele país, por causa do avô de Chambers ser norte-irlandês. Em 5 de Agosto de 2011, pouco antes do início da temporada 2011-12, ele foi apontado como o novo capitão do Nottingham Forest pelo então novo técnico Steve McClaren.