Massa filo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Baklava preparado com massa filo.

A massa filo ou phyllo (do grego φύλλο, fýllo: "folha") é uma variedade de massa cuja espessura e aplicação variam, podendo ser fina como uma folha de papel (para o preparo de um tipo de massa folhada) ou chegar a vários milímetros, quando usada para o preparo do pão em forma de folhas dobráveis, característico da Turquia e de vários países do Mediterrâneo e do Oriente Médio.

Uma antiga forma de massa filo parece ter existido entre os povos túrquicos da Ásia Central1 No século XI, o Diwan Lughat al-Turk, um dicionário de dialetos túrquicos de Mahmud Kashgari registrava um tipo de pão pregueado ou dobrado como um dos significados da palavra yuvgha, que está relacionada com a palavra turca yufka, que designa tanto a massa quanto pão.1 A prática de estirar a massa crua até obter folhas finas como papel é um desenvolvimento posterior, provavelmente acontecido nas cozinhas do palácio Topkapı.2

A massa filo caracteriza-se pelo tempo de cozimento muito reduzido, podendo ser assada ou frita, sendo usada como base dos mais variados pratos, tanto doces como salgados. Nas cozinhas grega e turca, a massa filo é utilizada na preparação de vários pratos, como as burekas ou os doces recheados de nozes e pistaches e imersos em calda de açúcar, como a baklava. Do Oriente Médio, seu uso difundiu-se pelo Mediterrâneo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Mack, Glenn Randall & Surina, Asele. Food Culture In Russia And Central Asia, p. 57. Greenwood Press, 2005.
  2. PERRY, Charles. "The Taste for Layered Bread among the Nomadic Turks and the Central Asian Origins of Baklava", in A Taste of Thyme: Culinary Cultures of the Middle East. Ed. Sami Zubaida, Richard Tapper, 1994, p. 87 ISBN 1-86064-603-4.
Ícone de esboço Este artigo sobre Massas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.