Museu Nacional de Antropologia (México)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Museu Nacional de Antropologia
Museo Nacional de Antropología
Entrada principal
Tipo Arqueologia
Inauguração 1964
Visitantes 2 milhões/ano
Diretor Diana Magaloni Kerpel
Website www.mna.inah.gob.mx/
Geografia
Localidade Cidade do México, México

O Museu Nacional de Antropologia (MNA, ou Museo Nacional de Antropología) é um museu nacional do México. Situado na zona entre Paseo de la Reforma e a rua Mahatma Gandhi dentro do Parque de Chapultepec na Cidade do México, o museu contém importantes artefatos arqueológicos e antropológicos das culturas pré-colombianas do México, como a Pedra do Sol e a estátua asteca de Xochipilli do século XVI.

Arquitetura[editar | editar código-fonte]

Estrutura conhecida como el paraguas (o guarda-chuva).

Desenhado em 1963 por Pedro Ramírez Vázquez, Jorge Campuzano e Rafael Mijares, foi construído em apenas 19 meses. Tem uma arquitetura impressionante com átrios de exposição em redor de um pátio com um grande lago e uma grande estrutura em forma de guarda-chuva da qual cai uma cascata artificial, suportada por um só pilar esguio (conhecida como el paraguas, espanhol para "guarda-chuva) revestido de bronze com relevos. Os átrios são rodeados por jardins, muitos dos quais albergam exposições ao ar livre. O museu tem 23 salas de exposição e cobre uma área de 79 700 metros quadrados (quase 8 hectares).

Exposições[editar | editar código-fonte]

Pedra do Sol asteca original em exposição no museu.

Inaugurado em 1964 pelo presidente Adolfo López Mateos, o museu tem um número significativo de exposições, como a Pedra do Sol, cabeças de pedra gigantes da civilização olmeca encontradas nas selvas de Tabasco e Veracruz, tesouros da civilização maia recuperados do Cenote Sagrado de Chichen Itza, uma réplica da tampa do sarcófago de Pacal, o grande encontrado em Palenque e mostras etnológicas da vida rural mexicana contemporânea. Tem também uma maquete da localização e planta da antiga capital asteca Tenochtitlan, local hoje ocupado pela zona central da moderna Cidade do México.

O museu alberga também exposições visitantes, geralmente sobre outras das grandes culturas do mundo.

Nome[editar | editar código-fonte]

É um equívoco comum, até entre os mexicanos, que o nome completo do museu seja Museu Nacional de Antropologia e História. O seu nome oficial é simplesmente Museu Nacional de Antropologia. Existe outra instituição, o Museu Nacional de História que se situa no Castelo de Chapultepec, mas trata-se de um museu totalmente distinto. O primeiro foca-se no México pré-colombiano e etnografia mexicana contemporânea. O último foca-se sobre o Vice-reino da Nova Espanha e o seu progresso em direção ao México moderno, até ao século XX.

Contudo, o organismo administrativo que gere ambos os museus (e muitos outros museus nacionais e regionais) é o Instituto Nacional de Antropologia e História (INAH).

Galeria de imagens[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Museu Nacional de Antropologia (México)