Os Sofrimentos do Jovem Werther

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde julho de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
1774

Os Sofrimentos do Jovem Werther (1774) é um romance de Johann Wolfgang von Goethe. Marco inicial do romantismo, considerado por muitos como uma obra-prima da literatura mundial, é uma das primeiras obras do autor, de tom autobiográfico - ainda que Goethe tenha cuidado para que nomes e lugares fossem trocados e, naturalmente, algumas partes fictícias acrescentadas, como o final.

Neste livro, o suposto Jovem Werther envia por um longo período cartas ao narrador que, no próprio livro, através de notas de rodapé, afirma que nomes e lugares foram trocados.

O romance é escrito em primeira pessoa e com poucas personagens. Na época ocorreu, na Europa, uma onda de suicídios, de tão profundo que Goethe fora em suas palavras. Num estilo completamente adverso a Fausto, mas não menor que neste.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Werther é marcado por uma paixão profunda, tempestuosa e desditosa. Werther é correspondido no amor, porém sofre com a impossibilidade de consumá-lo ao se enamorar com uma jovem já prometida a outro homem. J. W. Goethe põe um pouco de sua vida na obra, pois ele também vivera um amor não correspondido. Para o herói, a vida só tem um sentido: Charlotte. A vida deixaria de ter sentido se ele perdesse sua amada, a cada gesto, dança e até mesmo em meio a bofetadas, Werther se apaixona cada vez mais por Charlotte.

Personagens[editar | editar código-fonte]

Werther - Personagem principal,inspirado em Goethe

Editor - Criado por Goethe, chama-se Wilhelm (Guilherme), e é supostamente o amigo a quem Werther endereçou as cartas e quem as organizou

Charlotte (Carlota) - Amada de Werther, noiva de Albert

Albert (Alberto) - Noivo de Charlotte, foi normalmente contrário aos pensamentos de Werther

Traduções para o português[editar | editar código-fonte]

  • Werther'. Trad. Galeão Coutinho. São Paulo: Abril Cultural, 1973. (Os Imortais da Literatura Universal, 8).
  • Os sofrimentos do jovem Werther. Trad. Erlon José Paschoal. Posfácio de Willi Bolle. São Paulo: Clube do Livro, 1988.
  • Os sofrimentos do jovem Werther. Prefácio e trad. Marion Fleischer. São Paulo: Martins Fontes, 1994.
  • Werther. Adaptação feita por Ângelo A. Stefanovitz. 2. ed. São Paulo: Scipione, 1998. (Série Reencontro).
  • Os sofrimentos do jovem Werther. Trad. Erlon José Paschoal. São Paulo: Estação Liberdade, 1999.
  • Os sofrimentos do jovem Werther. Trad. Leonardo César Lack. Posfácio de Willi Bolle. São Paulo: Nova Alexandria, 1999.
  • Os sofrimentos do jovem Werther. Tradução de Pietro Nassetti. Sumaré/São Paulo: Martin Claret, 2000.
  • Os sofrimentos do jovem Werther. Tradução Marcelo Backes. Porto Alegre: L&PM, 2001. (Pocket, 217).
  • O sofrimento do jovem Werther. Tradução anônima. Introdução de Oliver Tolle. São Paulo: Hedra, 2006. [Tradução da versão de 1774, enquanto as demais traduções em língua portuguesa são da versão de 1787]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Os Sofrimentos do Jovem Werther
Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.