Polo Norte-36

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Pólo Norte-36)
Ir para: navegação, pesquisa

A Polo Norte-36 (em russo: Северный полюс-36, СП-36) foi a 36ª estação flutuante tripulada russa, primeiramente usada para pesquisa ártica de setembro de 2008 até agosto de 2009.

História[editar | editar código-fonte]

A estação foi aberta em 7 de setembro de 2008. O objetivo primário da estação foi melhorar a qualidade da previsão do tempo e estudar os processos globais da mudança climática. O trabalho cobriu monitoramento ambiental e pesquisa nos campos da meteorologia, oceanologia, glaciologia e aerologia.[1]

A expedição consistiu de 18 exploradores polares, vários cães e mais de 150 toneladas de carga.[2] O mestre-da-estação foi Jury Katraev. A estação PN-36 foi assentada sobre um pedaço de gelo marítimo que era de aproximadamente 6 km² (4 mi²) de um lado a outro. No momento do desembarque a estação estava no assim chamado "O oco dos submarinistas" entre a ilha Wrangel e o Polo Norte. O barco Akademik Fyodorov executou a entrega da expedição para o gelo.[1] [3]

A estação foi removida pelo quebrador de gelo nuclear NS Yamal no Oceano Ártico no fim de agosto de 2009. A evacuação da estação da banquisa de gelo flutuante levou três dias de trabalho contínuo. O líder das expedições árticas de alta-latitude Vladimir Sokolov supervisionou o trabalho.[2]

Referências

  1. a b Título não preenchido, favor adicionar.
  2. a b "The atomic-powered vessel "Yamal" left to Arctic regions for Petersburg polar explorers em russo: Атомоход «Ямал» вышел в Арктику за питерскими полярниками", community, fontanka.ru, 2009-08-22. Página visitada em 25-08-2009. (em ru)
  3. "In «the Hollow of submariners» the drifting station «Northern pole-36» will be developed em russo: В «Котловине подводников» развернется дрейфующая станция «Северный полюс-36»". Página visitada em 25-08-2009. (em ru)

82° 13′ N 174° 20′ E