Retalhos da Vida de um Médico

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Retalhos da Vida de um Médico
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Retalhos da Vida de Um Médico é um livro escrito por Fernando Namora, publicado em 1966 pela Editora Europa-América, que conta várias histórias passadas por este, enquanto exercia medicina no interior de Portugal. Essas histórias são memórias desses mesmo e são contadas na primeira pessoa.

É um livro muito interessante porque nos conta como era a vida dos médicos antigamente e porque tem uma escrita muito pessoal e com um uso rico de adjetivos.

Sendo talvez uma das suas obras mais conhecidas, Retalhos da Vida de um Médico, foi a primeira a ser adaptada ao cinema, por intermédio do realizador Jorge Brum do Canto (em 1962, filme selecionado para o Festival de Berlim), seguindo-se a série televisiva, da responsabilidade de Artur Ramos e Jaime Silva (1979-1980).

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.