S-75 Dvina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
S-75 Dvina
(Chamado pela OTAN de SA-2)
Russian surface-to-air missile system S-75 Dvina.JPG
Um S-75 russo.
Tipo Míssil superfície-ar (SAM)
Local de origem  União Soviética
História operacional
Em serviço 1957-presente
Guerras Guerra do Vietnã, Guerra dos Seis Dias, Guerra do Yom Kipur, Guerra Fria, Guerra Irã-Iraque, Guerra do Golfo, Guerra na Abecásia (1992–1993)
Histórico de produção
Variantes S-75 Dvina, S-75M-2 Volkhov-M, S-75 Desna, S-75M Volkhov, S-75M Volga

O S-75 Dvina (em russo: С-75; Designação da OTAN: SA-2 Guideline) é um sistema de míssil superfície-ar soviético de alta altitude (SAM). Desde que começou a ser distribuido em 1957, se tornou o míssel terra-ar mais usado no mundo, tornando-se notório por ser o primeiro sistema SAM a abater uma aeronave ao derrubar um RB-57D de Taiwan que sobrevoava a China em 7 de outubro de 1959.[1]

Imagens[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Steven J. Zaloga. Red SAM: The SA-2 Guideline Anti-Aircraft Missile. [S.l.]: Osprey Publishing, 2007. p. 8. ISBN 9781846030628.
Ícone de esboço Este artigo sobre mísseis é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.