Scientia potentia est

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Scientia potentia est é uma expressão em latim que significa conhecimento é poder. É muitas vezes atribuída a Francis Bacon; no entanto não é conhecida nenhuma ocorrência precisa desta frase nos escritos em latim ou em inglês de Francis Bacon.

Um provérbio, praticamente com a mesma constituição, é encontrado em hebreu, no Livro dos Provérbios (24,5): גֶּבֶר-חָכָם בַּעוֹז; וְאִישׁ-דַּעַת, מְאַמֶּץ-כֹּחַ, traduzível como O homem sábio é forte, e o homem de conhecimento consolida a força.

A frase implica que com aquisição de conhecimento ou através de educação, o nosso potencial ou habilidades na vida, aumentarão. Ter e partilhar conhecimento é também reconhecido com base para aumentar a reputação de alguém e de influenciar os outros, logo, ter poder. A frase pode também ser usada no contexto da justificação para a relutância para partilhar informação, quando a pessoa julga que ao reter conhecimento lhe pode dar alguma forma de vantagem.