Sir John Oldcastle

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Sir John Oldcastle é uma peça do teatro isabelino sobre John Oldcastle, um controverso lollardista que, para os contemporâneos de William Shakespeare, era visto como um mártir proto-protestantista.

A peça foi publicada originalmente anônima em 1600, impressa por Valentim Simmes para o livreiro Thomas Pavier. Em 1619, uma nova edição atribuía à Shakespeare a autoria do texto [1] . O diário de Philip Henslowe diz que a peça fora escrita por Anthony Munday, por Michael Drayton, por Richard Hathwaye e por Robert Wilson.

Referências

  1. A edição de 1619 da peça era parte do assim chamado False Folio, de William Jaggard

Leitura adicional[editar | editar código-fonte]

  • Dominik, Mark. A Shakespearean Anomaly: Shakespeare's Hand in "Sir John Oldcastle." Beaverton, OR, Alioth Press, 1991.
  • Halliday, F. E. A Shakespeare Companion 1564–1964. Baltimore, Penguin, 1964.
  • Scoufos, Alice-Lyle. Shakespeare's Typological Satire: A Study of the Falstaff/Oldcastle Problem. Athens, OH, Ohio University Press, 1979.


Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.