Torpor

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2014).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

É um estado mental natural, causado por alguma doença ou induzido, que pode durar de poucas horas até meses. Torpor e hibernação são coisas diferentes. Algumas espécies de animais utilizam para poupar energia, mas é diferente do sono normal. Pode ser feito de várias maneiras: baixando, diminuindo a temperatura corporal (hipotermia), diminuindo o ritmo cardíaco, a respiração e diminuição das funcionalidades de outras funções do corpo. É vital para algumas espécies realizarem o torpor para aguentar baixas temperaturas e guardar energias por longos períodos sem alimento, o que acontece normalmente no inverno. Também são modificadas funções biológicas, algumas espécies mudam o metabolismo para produzir amônia em vez de uréia que é mais tóxica. Algumas espécies entram em torpor no verão, que é o caso de animais aquáticos que vivem em regiões que ocorrem secas prolongadas, para sobreviver sem alimento e com baixa oxigenação.


Exemplo de animais que entram em torpor: