Trafford Leigh-Mallory

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Sir Trafford Leigh-Mallory
Air Chf Mshl Leigh-Mallory.jpg
Nascimento 11 de julho de 1892
Mobberley, Cheshire, Inglaterra
Morte 14 de novembro de 1944
País  Reino Unido
Anos em serviço 1914–1944

Sir Trafford Leigh-Mallory KCB (11 de julho de 189214 de novembro de 1944) foi um comandante sênior da Força Aérea Real (RAF).[1]

Leigh-Mallory serviu como piloto da Royal Flying Corps durante a Primeira Guerra Mundial. Permaneceu na recém-formada RAF após o fim do conflito, atuando em diversos cargos burocráticos e de treinamento durante as décadas de 1920 e 1930. No período antecedente à Segunda Guerra Mundial, era Comandante-Oficial-em-Ar do esquadrão No. 12 Group RAF, e pouco depois do fim da Batalha da Grã-Bretanha, assumiu o comando do No. 11 Group RAF, defendendo as investidas contra Londres.[1]

Em 1942 tornou-se Comandante-em-Chefe do Fighter Command antes de ser designado em 1943 para a mesma função na Força Aérea Expedicionária Aliada, o que o tornou comandante aéreo da Invasão da Normandia.[1]

Em novembro de 1944, enquanto seguia para o Ceilão para assumir o posto de Comandante-em-Chefe do Comando do Sudeste Asiático, sua aeronave colidiu contra os Alpes Franceses. Leigh-Mallory foi o oficial da RAF de mais alta patente a ser morto durante a Segunda Guerra.[1]

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b c d "Air Chief Marshal Sir Trafford Leigh-Mallory" - Air of Authority - A History of RAF Organisation
Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos militares é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.