Verdadeiros parentes de Jesus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jesus e Tiago, conhecido como "irmão do Senhor" (por ex. em Gálatas 1:18-20)
Ícone russo.

As afirmações de Jesus sobre seus verdadeiros parentes podem ser encontradas nos evangelhos canônicos de Marcos e Mateus e também no apócrifo Evangelho de Tomé.

Narrativa bíblica[editar | editar código-fonte]

O trecho em Marcos é:

«Chegaram sua mãe e seus irmãos; e ficando da parte de fora, mandaram chamá-lo. Muita gente estava sentada ao redor dele, e disseram-lhe: Olha, tua mãe, teus irmãos e tuas irmãs estão lá fora e te procuram. Ele perguntou: Quem é minha mãe e meus irmãos? Olhando para os que estavam sentados em roda dele, disse: Eis minha mãe e meus irmãos! Aquele que fizer a vontade de Deus, esse é meu irmão, irmã e mãe.» (Marcos 3:31-35)

Em Mateus:

«Enquanto ele ainda falava à multidão, achavam-se da parte de fora sua mãe e seus irmãos, procurando falar-lhe. Alguém lhe disse: Tua mãe e teus irmãos estão lá fora e procuram falar-te. Mas ele respondeu ao que lhe falava: Quem é minha mãe, e quem são meus irmãos? Estendendo a mão para seus discípulos, exclamou: Eis minha mãe e meus irmãos! Pois aquele que fizer a vontade de meu Pai que está nos céus, esse é meu irmão, irmã e mãe.» (Mateus 12:46-50)

Evangelho de Tomé[editar | editar código-fonte]

Uma versão reorganizada também aparece no Evangelho de Tomé:

Seus discípulos lhe disseram: 99. Teus irmãos e tua mãe estão aguardando lá fora. Respondeu-lhes ele: Os que, nesses lugares, fazem a vontade de meu Pai são os meus irmãos e minha mãe, e são eles que entrarão no Reino de meu Pai. 100. Mostraram a Jesus uma moeda de ouro e disseram: Os agentes de César exigem de nós o pagamento do imposto. Respondeu ele: Dai a César o que é de César, e dai a Deus o que é de Deus - e dai a mim o que é meu. 101. Quem não abandona seu pai e sua mãe, como eu, não pode ser meu discípulo. E quem não amar a seu Pai e sua Mãe, como eu, esse não pode ser meu discípulo; porque minha mãe me gerou, mas minha Mãe verdadeira me deu a vida.
 

O trecho sobre a A César o que é de César (100) é similar a Marcos 12:13-17 e Lucas 20:22-26. O trecho seguinte (101) é similar a Mateus 10:37 e Lucas 14:26-33.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Evangelho de Tomé (em português) Saindo da Matrix. Página visitada em 19/02/2011.