Wikipédia:Projetos/Islão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nuvola apps important.svg Atenção: Este projecto não se encontra em funcionamento devido ao afastamento dos seus participantes da Wikipédia. Poderá no entanto ser retomado por usuários interessados no tema a qualquer momento.

O projecto Islão visa coordenar, criar e ampliar artigos relacionados com o Islão.

Objectivos gerais[editar | editar código-fonte]

  • Assegurar que os artigos relacionados com o Islão oferecem um ponto de vista neutro e imparcial;
  • Assegurar que os artigos relacionados com o Islão possuam conteúdos de nível enciclopédico;
  • Estimular a colaboração entre editores interessados no Islão.

Participantes[editar | editar código-fonte]

  1. JLCA 16:46, 8 Junho 2006 (UTC)
  2. Ozymandias 10:01, 9 Junho 2006 (UTC)
  3. Finoqueto 16:27, 15 Novembro 2007 (UTC)

Instrumentos de trabalho[editar | editar código-fonte]

Traduções do Alcorão[editar | editar código-fonte]

Em Portugal[editar | editar código-fonte]

  • José Pedro Machado, Alcorão. Lisboa, Junta de Investigações Científicas do Ultramar, 1979.
  • Américo de Carvalho, Alcorão. Mem Martins, Publicações Europa-América, 1978. [dois volumes, de bolso]
  • M. Yiossuf Mohamed Adamgy, Alcorão Sagrado. Loures, Al Furqán, 1991, edição bilíngüe (árabe/português).

No Brasil[editar | editar código-fonte]

  • Helmi Nasr, Tradução do Sentido do Nobre Alcorão. Medina (Arábia Saudita), Complexo de Impressão do Rei Fahd, 2005 (1426 A.H.), edição bilíngüe (árabe/português).
  • Samir El Hayek, O Significado dos Versículos do Alcorão Sagrado. São Paulo, Ed. Marsam, 1994. [1ª ed. 1974].
  • Mansour Challita, O Alcorão - Livro Sagrado do Islã. Rio de Janeiro, Ed. Record, 2013.
  • Nagib Modad, O Corão Sublime - versão do sentido em português. Belo Horizonte, Ed. Evoluir, 1961. [tradução em versos decassílabos rimados]

Em Moçambique[editar | editar código-fonte]

  • Bento de Castro, Alcorão / Muhamad. Lourenço Marques (Maputo), Oficinas Gráficas de J. A. Carvalho, 1964

Disponíveis na internet[editar | editar código-fonte]

Público-alvo[editar | editar código-fonte]

Os artigos relacionados com a religião devem ser acessíveis aos vários tipos de públicos. Ao escrever artigos nesta área tenha em atenção os seguintes públicos:

  • Pessoas que desconhecem aspectos elementares e que procuram na Wikipédia uma forma de compreenderem rapidamente alguns dados essenciais;
  • Os estudantes que visam esclarecer dúvidas;
  • O público curioso, que deseja saber mais sobre o Islão;
  • O público mais exigente.

Transliteração[editar | editar código-fonte]

O vocabulário relacionado com o Islão apresenta frequentemente diferentes grafias em português. A título de exemplo é possível ver escrito nas várias obras disponíveis no mercado sobre o Islão chahada, shahada ou shahadah. Os editores não devem se inibir de criar artigos por preocupação em relação à transliteração mais correcta do termo árabe. Recomenda-se, porém, o recurso aos redirecionamentos em casos de existência de mais do que uma forma de escrever uma palavra. Num segundo momento poderá ser considerada a hipótese de mover páginas para títulos considerados mais adequados.

Predefinições[editar | editar código-fonte]

Predefinições existentes associadas ao tema "Islão":

Artigos[editar | editar código-fonte]

Artigos com problemas[editar | editar código-fonte]

  • Charia - apresenta uma imagem simplista e parcial da lei islâmica, como se esta só estivesse relacionada com castigos corporais.

Artigos recentemente criados[editar | editar código-fonte]

Os seguintes artigos poderão necessitar de desenvolvimento ou correcções no que diz respeito ao seu conteúdo, organização, estilo, existência de gralhas tipográficas, etc.

Artigos em expansão[editar | editar código-fonte]