Abhimani

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Abhimani é um Deva da mitologia hindu, filho mais velho de Brahma, conhecido também por Agni (fogo). Desposou Swaha e teve três filhos, Pavaka, Pavamana, e Suchi, personificando os três fogos que produziram a Terra e a humanidade.[1]

Abhimanin, seus três filhos e seus 45 netos constituem os 49 fogos místicos das Puranas.

Abhimanin representa o princípio cósmico, a força primordial na evolução do universo, o fogo é representado com desejo de criar. Seus três filhos, por sua vez, de acordo com a Vayu-Purana, representam os três aspectos diferentes de Agni (fogo): Pavaka é o fogo eletro-magnético, Pavamana é o fogo produzido pela fricção, e Suchi é o fogo solar. Interpretedo no plano humano, eles são o "Espírito, Alma e o corpo"..[2]

Outra lenda diz que eles foram amaldiçoados pelo sábio Vasishtha, por isso são obrigados a nascer e renascer pela eternidade.[3][4]

Referências

  1. VP 1:10
  2. SD 2:247
  3. BP 4:24,4
  4. SD 2:247-8
Ícone de esboço Este artigo sobre mitologia hindu é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.