Acetilcarnitina

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Estrutura química de Acetilcarnitina
Acetilcarnitina
Star of life caution.svg Aviso médico
Nome IUPAC (sistemática)
(R)-3-acetyloxy-4-trimethylammonio-butanoate
Identificadores
CAS 14992-62-2
ATC N06BX12
PubChem ?
Informação química
Fórmula molecular C9H17NO4 
Massa molar 203.236
Farmacocinética
Biodisponibilidade ?
Metabolismo ?
Meia-vida ?
Excreção ?
Considerações terapêuticas
Administração ?
DL50 ?

A acetilcarnitina é um fármaco utilizado pela medicina como ativador neuronal.[1] É derivado da carnitina. Nos Estados Unidos é conhecida como ALCAR.

Propriedades[editar | editar código-fonte]

Estruturalmente assemelha-se com a acetilcolina e pode ser considerada como um fármaco colinomimético. A acetilcarnitina, atuaria como estimulante da oxidação dos ácidos graxos, reduzindo assim o nível de triglicerídeos no sangue e também gordura acumulada no corpo.[2]

Indicações[editar | editar código-fonte]

É indicado nos casos de falta de atenção, Mal de Alzheimer e distúrbios de memória.

Contraindicações[editar | editar código-fonte]

Não é recomendável o uso concomitante com a gravidez e lactação.

Reações adversas[editar | editar código-fonte]

  • Excitação mental

Referências

  1. «Cópia arquivada». Consultado em 30 de maio de 2019. Arquivado do original em 18 de abril de 2008 
  2. «Cópia arquivada». Consultado em 24 de janeiro de 2008. Arquivado do original em 10 de outubro de 2007