Aeromonas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaAeromonas
Aeromonas hydrophila

Aeromonas hydrophila
Classificação científica
Domínio: Bacteria
Reino: Eubacteria
Filo: Proteobacteria
Classe: Proteobacteria Delta
Ordem: Aeromonadales
Família: Aeromonadaceae
Género: Aeromonas
Espécies
A. allosaccharophila

A. bestiarum

A. bivalvium

A. caviae

A. encheleia

A. enteropelogenes

A. euchrenophila

A. hydrophila

A. ichthiosmia

A. jandaei

A. media

A. molluscorum

A. popoffii

A. punctata

A. salmonicida

A. schubertii

A. sharmana

A. simiae

A. sobria

A. veronii

O gênero Aeromonas é uma bactéria gram-negativa, antigamente pertencente a família Vibrionaceae e atualmente pertencente a Aeromonadaceae , com forma de bastonetes, capazes de utilizar diferentes carboidratos que produzam ácido ou ácido e gás.[1] São ubiquos, estando amplamente distribuídos no ambiente, sendo membros importantes da microbiota aquática[2] e de diferentes alimentos de origem animal[3]

São considerados patógenos oportunistas, para homem e animais, além de agentes emergentes de toxinfecções alimentares.[4]

As aeromonas móveis, para o homem, determinam patogenias classificadas como de nível não intestinal e gastrentéricas. Geralmente são responsabilizadas por quadros que variam de diarreias agudas amenas à quadros graves de disenteria.[5] Também fá foram atribuídos a elas quadros como meningite, endocardite, artrite, infecção cutânea, peritonite e infecção ocular.

Apesar de não estar completamente elucidado o mecanismo pelo qual esse gênero produz gastroenterite, demonstrou-se que cepas de aeromonas envolvidas em processos patogênicos usualmente possuem capacidade de produzir enterotoxina, citotoxina, hemolisina, protease e poder de aderência e invasão em células da mucosa intestinal.[6]

Gastroenterite[editar | editar código-fonte]

Em crianças normalmente é aguda e severa; adultos, crônica. Gastroenterite por aeromonas, quando severa, há presença de sangue nas fezes, podendo ser confundida com shigelose. Quando aguda, geralmente é auto limitada.

Espécies associadas[editar | editar código-fonte]

Três espécies são definidas fenotipicamente: A. hydrophila, A. caviae e A. veronii subtipo sobria. Não se conhece muito sobre as outras espécies, mas também são microorganismos aquáticos e foram implicados em doença humana.

Transmissão[editar | editar código-fonte]

Ingestão de alimentos, frequentemente moluscos e peixes, tubaroes, baleias, ratos, javali e água contaminados.

Diagnóstico[editar | editar código-fonte]

Pode ser feito através de cultura de fezes ou de sangue em um ágar contendo sangue de ovelha e ampicilina. Ampicilina previne o crescimento da maioria dos microorganismos competidores. A identificação de espécies é confirmada por uma série de testes bioquímicos.

Tratamento[editar | editar código-fonte]

Hidratação e reposição de elétrolitos. Em casos mais graves pode ser indicado antibioticoterapia.

Resistência a antimicrobianos[editar | editar código-fonte]

Pode ser necessária em alguns pacientes com diarreia crônica ou infecção sistêmica. As espécies pertencentes a esse gênero são resistentes a penicilina e a maioria a cefalosporina e eritromicina. Ciprofloxacino é considerado eficaz contra cepas nos EUA e Europa, mas já existem casos registrados de resistência na Ásia.

Referências

  1. POPOFF, M. Genus III. Aeromonas Kluyver and Van Niel. p. 545-548. In: NOEL R. DRIEG (Ed.) Bergey's manual of systematic bacteriology, vol.1. Williams and Wilkins, Baltimore, 1984.
  2. PALUMBO, S.A., CALL, J., HUYNH, B. et al. Survival and growth potential of Aeromonas hydrophila in reconditioned pork-processing-plant water. J. Food Prot., v.59, p.881-885, 1996.
  3. MAJEED, K.N., EGAN, A.F., MAC RAE, I.C. Enterotoxigenic aeromonads on retail lamb meat and offal. J. Appl. Bacteriol., v.67, p.165-170, 1989.
  4. HAVELAAR, A.H., SCHETS, F.M., VAN SILFHOUT, A. et al. Typing of Aeromonas strains from patients with diarrhoea and from drinking water. J. Appl. Bacteriol., v.72, p.435-444, 1992.
  5. KO, W.C., CHUANG, Y.C. Aeromonas bacteremia: Review of 59 episodes. Clin. Infect. Dis., v.20, p.298-1304, 1995.
  6. JANDA, J.M. Recent advances in the study of the taxonomy, pathogenicity, and infectious syndromes associated with the genus Aeromonas. Clin. Microbiol. Rev., v.4, p.397-410, 1991.
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Aeromonas
Ícone de esboço Este artigo sobre Bactérias é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.