Albert von Schrenck-Notzing

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Materialização pela médium Eva Carriére (1912).
Materialização de um rosto, pela médium Eva Carriére (1912).

O barão Albert von Schrenck-Notzing (Oldenburg, 18 de Maio de 1862 - Munique, 12 de Fevereiro de 1929) foi um médico psiquiatra e parapsicólogo alemão. Notabilizou-se por sua pesquisa acerca dos fenômenos paranormais e o hipnotismo. Investigou médiuns famosos de seu tempo como Willi Schneider, Rudi Schneider e Eva C..

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nasceu no seio de uma antiga família aristocrática de Munique, os Schrenck von Notzing. Era filho do major Walter von Schrenck-Notzing e sua esposa, Meta Abbes. Fez o curso de Medicina em Munique e graduou-se em 1888. No ano seguinte, estabeleceu-se em Munique, como médico prático. Dedicou-se à Psicologia médica e foi o primeiro psicoterapeuta no sul da Alemanha.

Desposou Gary Siegle, filha do industrial Gustav Siegle. Com ela teve dois filhos, Leopold (*1894) e Gustav (*1896). O publicitário Caspar von Schrenck-Notzing é um de seus netos.

Ficou conhecido por suas experiências com a hipnose. Em 1886 fundou, com o filósofo Carl du Prel em Munique, o "Psychologische Gesellschaft", que tratava de assuntos que, hoje, são principalmente associados com a parapsicologia. Escreveu muitas monografias e artigos sobre as suas investigações, muitos das quais nas páginas da "Zeitschrift für Parapsychologie". São notáveis ​os relatórios de Thomas Mann, sobre as experiências com o médium Rudi Schneider, que tiveram lugar no início da década de 1920. Schrenck-Notzing estava particularmente interessado no potencial terapêutico da hipnose. Como psicoterapeuta, desenvolveu novos métodos para o tratamento da disfunção sexual e da neurastenia.

Obra[editar | editar código-fonte]

  • "Ein Beitrag zur therapeutischen Verwertung des Hypnotismus" (1888, Dissertação)
  • "Der Kampf um die Materialisations Phänomene" (1914)
  • "Die Phänomene des Medium Linda Gazerra". (1917)
  • "Physikalische Phänomene des Mediumismus" (1920)
  • "Experimente der Fernbewegung (Telekinese) im psychologischen Institut der Münchener Universität" (1924)
  • "Die physikalischen Phanomene der grossen Medien" (1926)
  • "Grundfragen der Parapsychologie" (1929)
  • "Entwicklung des Okkultismus zur Parapsychologie in Deutschland" (1932)
  • "Die PhĚnomene des Medium Rudi Schneider" (1933)

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • FISCHER, Andreas. "In the Darkroom of a Medium Researcher: Albert von Schrenck-Notzing". in: The Message. Art and Occultism. With an Essay by André Breton. Ed. de Claudia Dichter, Hans Günter Golinski, Michael Krajewski, Susanne Zander. Kunstmusem Bochum. Walther König: Köln 2007, p. 137-142. ISBN 978-3-86560-342-5.
  • SCHRENCK-NOTZING, Albert von. Phenomena of Materialisation: A Contribution to the Investigation of Mediumistic Teleplastics. London & New York, 1920. Reimpressão em New York: Arno Press, 1975.
  • UNDERWOOD, Peter. Dictionary of the Supernatural. Hardback, 1978. ISBN 0-245-52784-2

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Albert von Schrenck-Notzing

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.