Alfred Blalock

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde março de 2016). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Alfred Blalock
Nascimento 5 de abril de 1899
Geórgia
Morte 15 de setembro de 1964 (65 anos)
Baltimore
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Universidade da Geórgia
Ocupação cirurgião, professor universitário
Prêmios Prêmio Internacional da Fundação Gairdner, Prêmio Lasker-DeBakey de Pesquisa Médico-Clínica
Empregador Universidade Johns Hopkins, Universidade Vanderbilt

Alfred Blalock (Culloden, 5 de abril de 189915 de setembro de 1964) foi um cirurgião norte-americano.

Inovou o campo de estudos da medicina, principalmente com relação à tetralogia de Fallot, com o auxílio de seu assistente Vivien Thomas e da cardiologista infantil Helen Taussig. Sua história é contada no filme "Something The Lord Made" (Brasil: "Quase Deuses") de 2004, escrito por Peter Silverman e Robert Caswell e dirigido por Joseph Sargent, estrelado por Alan Rickman e Mos Def.

Foi galardoado com vários prémios: Prêmio Passano (1948), Prêmio Lasker-DeBakey (1954), Prêmio Antonio Feltrinelli (1954) e Prêmio Internacional da Fundação Gairdner (1959).

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.