Amy Pond

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde janeiro de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Amelia Jessica Pond
Personagem de Doctor Who
Amy Pond.jpg
Primeira aparição "The Eleventh Hour"
Última aparição "The Angels Take Manhattan"
Interpretado por Karen Gillan
Informações
Outro(s) nome(s) A garota que esperou
Afiliação Décimo primeiro Doutor
Espécie Humana
Planeta de origem Terra
Era de origem Século XXI
Outras aparições "The Time of the Doctor"
Temporadas 5ª Temporada
6ª Temporada
7ª Temporada
Outros intérpretes Caitlin Blackwood
(pequena Amélia)
Dublado por Brasil: Cássia Bisceglia
Matt Smith e Karen Gilian, o Doutor e Amy Pond

Amelia Jessica "Amy" Pond (Williams) é uma personagem fictícia interpretada por Karen Gillan na série britânica de ficção científica, Doctor Who.

Foi a principal companheira do Doutor desde a 5ª temporada até a 7ª temporada. Amy Pond acompanhou as aventuras da décima primeira encarnação do Time Lord, O Doutor ao lado de seu noivo e posterior marido, Rory Williams e da misteriosa River Song que se revelou mais tarde ser sua filha.

Amy encontrou-se pela primeira vez com o Doutor aos 7 anos, quando este caiu com a sua TARDIS, danificado por sua regeneração, no jardim do quintal de sua casa. O Doutor prometeu buscá-la em sua TARDIS, porém só voltou 12 anos depois, quando Amy já era adulta, a partir de então a personagem ficou conhecida como A Garota que Esperou.

Histórico[editar | editar código-fonte]

Amelia Pond[editar | editar código-fonte]

Amelia nasceu na Escócia e foi levada para a Inglaterra onde foi criada por uma tia, quando seus pais morreram. O seu quarto apresentava uma rachadura estranha em sua parede onde ela ouvia vozes através dela, e a pequena Amelia amedrontada rezou para que o Papai Noel lhe mandasse um policial para investigar o problema. neste momento, uma Cabine Policial caiu em seu quintal, revelando em seu interior,não um policial, mas sim um excêntrico “homem maltrapilho” que ainda se ajustava ao seu novo corpo: O Décimo Primeiro Doutor (Matt Smith).

O Doutor lhe convida para viajar com ele (apesar de ela ter apenas 7 anos), uma oportunidade que ela aceita de imediato e enquanto o Doutor faz uma “breve” parada no futuro, ela o espera ao lado de sua mala, no jardim. O problema é que o tempo é relativo, e o que era pra ser breve, acabou sendo um período de 12 anos.

A jovem Amy Pond

Amy passou toda a sua infância e adolescência idolatrando o seu “Doutor Maltrapilho”, criando jogos, bonecos, desenhos, tudo a ver com ele, e sendo tratada como "louca" por seus amigos que consideravam que tudo não passava de uma ilusão da menina.

Depois de todos aqueles anos o Doutor volta e Amy finalmente embarca na TARDIS para viajar com ele, mesmo estando às vésperas do seu casamento com Rory Williams. Eventualmente, Rory também embarca nas aventuras.

Amy se casa com Rory e os 2 continuam participando das aventuras pelo tempo e espaço ao lado do Doutor, eventualmente River Song também se junta a eles.

Amy foi a primeira pessoa que o 11º Doutor viu assim que se regenerou e os dois personagens desenvolveram um forte laço afetivo ao longo da série.

A última aparição de Amy Pond e Rory foi no episódio "The Angels Take Manhattan", exibido dia 29 de Setembro de 2012. Neste episódio, Amy abandona O Doutor quando Rory acaba sendo tocado por um Weeping Angel e é levado para Manhattan em 1938. Como o local estava muito afetado pelo paradoxo criado por Rory e Amy, o Doutor não poderia ir com a Tardis para lá. Triste, Amy então dá as costas ao anjo e também é levada de volta à Manhattan, onde viveu com Rory até a morte dele com 82 anos. Amy morreu com 87 anos e foi enterrada do lado de Rory.

No último especial de natal ao final da sétima temporada (The Time of the Doctor), o Décimo Primeiro Doutor um pouco antes de sua regeneração para o Décimo Segundo Doutor, tem alucinações com a pequena Amelia Pond a bordo de sua TARDIS.

Logo em seguida, uma visão de Amy já adulta se aproxima e lhe diz um adeus final, sendo assim a última pessoa que o Décimo Primeiro viu mesmo sendo uma ilusão.

Aparência[editar | editar código-fonte]

Amy Pond tem como características o cabelo ruivo e olhos castanhos claros. Saias curtas, jaquetas e botas eram seu principal item de vestuário. O Doutor se referia a ela como Pond.

Amy Pond.jpg

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre Doctor Who é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.