Bruno Génésio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Bruno Génésio
Informações pessoais
Nome completo Bruno Génésio
Data de nasc. 1 de setembro de 1966 (52 anos)
Local de nasc. Lyon, França
Altura 1,74 m
Informações profissionais
Equipa atual Olympique Lyonnais
Posição Treinador
Clubes de juventude
1983–1985 Olympique Lyonnais
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos (golos)
1985–1995
1993–1994
1995–1996
Olympique Lyonnais
OGC Nice (emp.)
Martigues
0171 000(12)
0034 0000(2)
0028 0000(1)
Times/Equipas que treinou
2015– Olympique Lyonnais 0179

Bruno Génésio (Lyon, 1 de setembro de 1966) é um ex-futebolista e treinador de futebol francês que jogou na posição de meio-campo. Atualmente é técnico do Olympique Lyonnais.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Jogador[editar | editar código-fonte]

Foi nos Gones que Génésio teve maior destaque em sua carreira de jogador, iniciada em 1985. Em 10 anos pelo Lyon, foram 171 jogos e 12 gols marcados. Entre 1993 e 1994, foi emprestado ao OGC Nice, atuando em 34 partidas. Deixou os gramados em 1996, quando jogava pelo Martigues.

Carreira de treinador[editar | editar código-fonte]

Em 1997, Génésio estreou como técnico das categorias de base do L'Arbresle. Dois anos depois, comandaria o Villefranche por 2 temporadas, naquela que seria a primeira incursão dele como treinador de uma equipe principal. Passou ainda pelo Besançon, como auxiliar-técnico e como treinador principal entre 2001 e 2006.

Voltou ao Lyon em 2007, inicialmente para comandar as categorias de base. Na temporada 2009-10, foi promovido a técnico da equipe de reservas, que disputa o CFA, a quarta divisão do futebol francês[1]. Alçado ao cargo de auxiliar de Rémi Garde a partir de 2011, permaneceu no posto até 2015, quando, com a demissão de Hubert Fournier, foi promovido ao comando técnico do OL em dezembro. Ao assumir o cargo, Génésio encontrou o Lyon na 9ª posição, e levou o clube ao vice-campeonato. Em junho de 2016, teve seu contrato renovado.

Referências

  1. Faure, Anthony; Leroy, Yves (25 de dezembro de 2015). «Olympique lyonnais : le plus dur commence pour Bruno Génésio». Le Parisien (em francês)