Buzkashi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém uma ou mais fontes no fim do texto, mas nenhuma é citada no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde outubro de 2011)
Por favor, melhore este artigo introduzindo notas de rodapé citando as fontes, inserindo-as no corpo do texto quando necessário.
Buzkashi no Afeganistão.

Buzkashi, Kok-boru ou Oglak Tartis (em persa: بزکشی, bozkæshī; em tadjique: бузкашӣ, buzkashī: "agarramento de cabra"; em turcomano: kökbörü, "lobo azul"; em cazaque: көкпар; em quirguiz: улак-тартыш) é um esporte coletivo tradicional da Ásia Central, disputado sobre cavalos.

O jogo foi desenvolvido a partir de uma habilidade comum entre os cavaleiros da estepe asiática: agarrar uma cabra ou um bezerro do chão em pleno galope. O objetivo dos jogadores é agarrar a carcaça sem cabeça de uma cabra, livrar-se dos adversários e arremessá-la através de uma linha de meta, ou então, em outras versões, dentro de um barril ou de um círculo.

Esporte da Ásia Central[editar | editar código-fonte]

Apesar de ser conhecido basicamente como um esporte do Afeganistão, o Buzkashi originalmente era uma atividade das estepes. Até hoje, é um jogo muito popular entre os povos do sul da Ásia Central, tais como os Pachtuns, Hazaras, Tadjiques, Uzbeques, Quirguizes, Cazaques e Turcomanos. O jogo também é disputado na Turquia, tendo sido levado por imigrantes quirguizes da região de Pamir.

A competição é normalmente muito violenta, já que os jogadores precisam usar de muita força para impedir o avanço do adversário. Os cavaleiros costumam usar roupas pesadas e proteção para a cabeça, a fim de evitar golpes de chicote e botas dos oponentes. Uma partida pode durar vários dias, e a equipe vencedora recebe um prêmio, não necessariamente em dinheiro.

O jogo tem duas formas principais: Tudabarai e Qarajai. No Tudabarai, a forma mais simples, o objetivo é apenas agarrar a cabra e mover-se em qualquer direção, a salvo dos adversários. No Qarajai, os jogadores devem carregar a carcaça através de uma bandeira ou marcador em uma das extremidades do campo, e então jogá-la dentro do "Círculo da Justiça", na outra extremidade. Os cavaleiros carregam também um chicote, normalmente preso entre seus dentes, usado para afastar os adversários.

O Buzkashi é muitas vezes comparado com o Pólo. Ambos os esportes são disputados por dois times sobre cavalos, ambos envolvem arremessar um objeto através de uma meta, e ambos são razoavelmente brutais. No entanto, o Pólo é disputado com uma bola, enquanto que o Buzkashi usa uma cabra morta. Um jogo de Pólo tem uma duração fixa, em torno de uma hora, enquanto que uma disputa de Buzkashi tradicional pode durar dias, embora a versão de campeonato, regulamentada nas últimas décadas, também tenha um tempo limitado.

Ver também[editar | editar código-fonte]

  • Polo, outro esporte coletivo disputado sobre cavalos

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • G. Whitney Azoy (2003), "Buzkashi: Game and Power in Afghanistan," 2nd ed. Waveland Press.
  • "Ancient Kyrgyz game may captivate Europe," The Times of Central Asia, 9 de novembro de 2006 (www.timesca.com)
  • V. Kadyrov, "Kyrgyzstan: Traditions of Nomads," Rarity Ltd., Bishkek, 2005 ISBN 9967-424-42-7

Ligações externas[editar | editar código-fonte]