Carlos Alexandre de Lorena

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Carlos Alexandre de Lorena
Governador dos Países Baixos Austríacos
Reinado 7 de janeiro de 1744
a 4 de julho de 1780
Predecessor Friedrich August von Harrach-Rohrau
Sucessor Maria Cristina da Áustria, duquesa de Teschen e Alberto de Saxe-Teschen
Esposa Maria Ana da Áustria
Casa Lorena
Pai Leopoldo, Duque de Lorena
Mãe Isabel Carlota de Orleães
Nascimento 12 de dezembro de 1712
Lunéville, França
Morte 4 de julho de 1780 (67 anos)
Tervuren, Ducado de Brabante, Países Baixos Austríacos
Religião Catolicismo

Carlos Alexandre de Lorena (12 de dezembro de 17124 de julho de 1780) foi um general austríaco nascido em Lorena. Era governador e soberano de facto dos Países Baixos Austríacos e, durante um curto período de tempo, duque de Lorena.

Origens[editar | editar código-fonte]

Maria Ana da Áustria, esposa de Carlos Alexandre.

Carlos era filho de Leopoldo, duque de Lorena, e da sua esposa, a princesa Isabel Carlota de Orleães. Quando o seu irmão mais velho, Francisco Estêvão, duque de Lorena, se casou com a arquiduquesa Maria Teresa, filha do sacro-imperador Carlos VI, Alexandre juntou-se ao exército imperial da Áustria, em 1737.

Durante a Guerra de Sucessão Austríaca, foi um dos principais comandantes do exército austríaco. Ficou principalmente conhecido por derrotar as tropas do rei Frederico, o Grande da Prússia, que tinham mais soldados e estavam melhor preparadas do que as dele, na Batalha de Chotusitz em 1742 e, de forma mais decisiva, na Batalha de Hohenfriedberg em 1745. Também derrotou o príncipe Maurício da Saxónia na Batalha de Rocoux em 1745.

A 7 de Janeiro de 1744, casou-se com a única irmã de Maria Teresa, a arquiduquesa Maria Ana da Áustria, tornam-se assim cunhado em duplicado da futura imperatriz. Os dois foram nomeados governadores dos Países Baixos Austríacos.

Apesar de Maria Ana ter morrido pouco tempo depois, a popularidade de Carlos e o facto de não existir um candidato forte para o substituir fizeram com que Carlos continuasse a exercer a sua posição de governador até morrer em 1780. Carlos também foi nomeado grão-mestre da Ordem Teutónica em 1761.

Devido a uma série de acontecimentos que incluíram a ascensão do seu irmão ao trono do Sacro Império Romano-Germânico como Francisco I, uma posição que o obrigou a prescindir do seu título de duque de Lorena, o ducado, cuja governação era ambígua há já algum tempo, passou para a França e, posteriormente, para Carlos, apenas de forma nominal e durante um breve período de tempo em 1766.

Depois de perdeu a sua esposa e co-soberana Maria Ana, a sua irmã, a princesa Ana Carlota de Lorena, a quem era muito afeiçoado, assumiu o papel de co-soberana.

Guerra dos Sete Anos[editar | editar código-fonte]

Apesar de ter sofrido uma série de derrotas durante a Guerra dos Sete Anos, Carlos Alexandre pôde manter a sua posição de comandante do exército, à frente do marechal Browne, que era mais popular, graças ao apoio do seu irmão, que tinha grande influência nas nomeações realizadas no exército. Durante a guerra, comandou o exército austríaco na Batalha de Praga, na qual foi novamente derrotado por Frederico, o Grande, mas conseguiu provocar um grande número de baixas no exército da Prússia. Posteriormente, conseguiu derrotar um exército prussiano mais pequeno em 1757, na Batalha de Breslau, antes de ser completamente arrasado por Frederico na Batalha de Leuthen, considerada uma das maiores vitórias do rei prussiano. Durante a batalha, Maria Teresa nomeou-o comandante do exército.

Depois destas derrotas, Carlos foi substituído pelo conde Leopold Joseph von Daun e reformou-se do serviço militar. Foi enviado novamente para os Países Baixos Austríacos para continuar a servir como governador. Apesar de ser um comandante militar pouco apto, Carlos provou o seu valor como um administrador competente e admirado pelo seu povo. Com a sua governação, a região prosperou e Carlos envolvia-se profundamente na vida cultural da província.

Família e vida privada[editar | editar código-fonte]

Uma vez que Carlos era governante apenas graças ao seu casamento com a arquiduquesa Maria Ana da Áustria, a morte da sua esposa criou uma situação que forçava a que a segunda esposa de Carlos, Elisabeth de Vaux, assim como as suas amantes e descentes, fossem mantidos em segredo e a sua existência nunca foi anunciada ao público. Os filhos que teve ao longo dos anos, usavam apenas os apelidos das mães em público, pelo menos quando se encontravam nos Países Baixos.

Apesar de se saber pouco sobre a sua vida privada após a morte de Maria Ana, sabe-se através da sua segunda esposa, Elisabeth de Vaux, que teve um filho chamado Alexandre Guillaume Joseph e um neto. Teve também uma filha natimorta de uma amante cujo nome não se sabe, um filho chamado Charles Frédéric de outra amante desconhecida; um filho chamado Jean Nicholas e uma filha chamada Anne Françoise de ainda outra amante desconhecida e ainda uma filha de nome desconhecido de uma amante chamada Regine von Porthenfeld. Sabe-se que alguns dos seus filhos viveram em permanência ou temporariamente em zonas holandesas da Bélgica, incluindo o seu filho mais velho Charles Alexandre, que se sabe que viveu também em Lunéville, em Lorena. Sabe-se também que recebeu uma grande herança, que teve um filho chamado Gustav Auguste em 1788 e que morreu em Nancy.

Genealogia[editar | editar código-fonte]

Os antepassados de Carlos Alexandre de Lorena em três gerações
Carlos Alexandre de Lorena Pai:
Leopoldo, Duque de Lorena
Avô paterno:
Carlos V da Lorena
Bisavô paterno:
Nicolau Francisco, duque de Lorena
Bisavó paterna:
Cláudia Francisca de Lorena
Avó paterna:
Leonor da Áustria, Rainha da Polónia
Bisavô paterno:
Fernando III da Germânia
Bisavó paterna:
Leonor Gonzaga
Mãe:
Isabel Carlota de Orleães
Avô materno:
Filipe I, Duque de Orleães
Bisavô materno:
Luís XIII de França
Bisavó materna:
Ana de Áustria, rainha de França
Avó materna:
Isabel Carlota do Palatinado
Bisavô materno:
Carlos I Luís, Eleitor Palatino
Bisavó materna:
Carlota de Hesse-Cassel

Referências


Precedido por
Leopoldo I de Lorena
Duque de Lorena
(Francisco III Estevão)

17291736
Sucedido por
Estanislau I
(ex-Rei da Polónia)
Precedido por
João Gastão de Médici
Armoiries moderne François Ier de Lorraine.svg
Grão-duque da Toscana
(Francisco II Estevâo)

17371765
Sucedido por
Pedro Leopoldo
(imperador Leopoldo II)
Precedido por
Carlos VII
Armoiries empereur François Ier.svg
Imperador do Sacro Império Romano-Germânico
(Francisco I)

17451765
Sucedido por
José II


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Carlos Alexandre de Lorena