Carlos Eduardo Benevides Neto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Carlos Benevides
Deputado estadual  Ceará
Período 1979-1987
Deputado federal  Ceará
Período 1987-1994
Dados pessoais
Nascimento 22 de junho de 1956 (61 anos)
Fortaleza, CE
Alma mater Universidade de Brasília
Cônjuge Annie Aguiar Benevides
Partido MDB, PMDB
Profissão engenheiro civil, empresário

Carlos Eduardo Benevides Neto (Fortaleza, 22 de junho de 1956) é um engenheiro civil, empresário e político brasileiro com base no Ceará.[1] Apontado como um dos integrantes no "caso dos Anões do Orçamento", foi absolvido pelo Supremo Tribunal Federal e indenizado em 2008.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho de Carlos Mauro Cabral Benevides e Maria Regina de Borba Benevides. Iniciou sua carreira política ao filiar-se ao MDB em 1974 ano em que seu pai foi eleito senador pela primeira vez. Eleito deputado estadual em 1978[2] formou-se Engenheiro Civil pela Universidade de Brasília em 1979. Membro do Instituto Latino-Americano do Concreto, do Instituto Brasileiro do Concreto e da Associação Brasileira de Engenheiros Rodoviários, seção do Ceará. A exemplo do pai ingressou no PMDB em 1980 sendo reeleito deputado estadual em 1982[2] e eleito deputado federal em 1986[2] e 1990.[2] Acusado de envolvimento com os chamados Anões do Orçamento, foi cassado em 13 de abril de 1994.[3] É sobrinho de Aécio de Borba e irmão de Mauro Benevides Filho.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Câmara dos Deputados do Brasil: deputado Carlos Benevides». Consultado em 28 de setembro de 2013 
  2. a b c d «Banco de dados do Tribunal Regional Eleitoral do Ceará». Consultado em 28 de setembro de 2013 
  3. Carlos Benevides e Feres Nader são cassados (online). Folha de S. Paulo, 20/04/1994. Página visitada em 28 de setembro de 2013.