Cat Ballou

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde julho de 2007). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Cat Ballou
A Mulher Felina[1] (PT)
Dívida de Sangue[2] (BR)
 Estados Unidos
1965 •  cor •  97 min 
Direção Elliot Silverstein
Produção Harold Hecht
Roteiro Walter Newman
Frank Pierson
Baseado em Roy Chanslor
Elenco Jane Fonda
Lee Marvin
Michael Callan
Gênero Comédia
faroeste
Música Frank De Vol
Direção de arte Malcolm Brown
Direção de fotografia Jack A. Marta
Edição Charles Nelson
Distribuição Columbia Pictures
Idioma Inglês
Página no IMDb (em inglês)

Cat Ballou (br: Dívida de Sangue / pt: A Mulher Felina) é um filme estadunidense de 1965, do gênero comédia-western, dirigido por Elliot Silverstein, com roteiro de Walter Newman e Frank Pierson, que adaptaram para comédia uma série dramática de Roy Chanslor.

Foi um dos primeiros sucessos de Jane Fonda, e transformou o ator Lee Marvin em um astro cinematográfico. O filme é conhecido também por mostrar o famoso Nat King Cole em um de seus últimos trabalhos como cantor. Ele narra a história, cantando durante o filme, ao lado de Stubby Kaye, a Balada de Cat Ballou.

A trama é sobre uma destemida mulher que deseja vingar-se de um cruel pistoleiro, assassino do seu pai. Nessa missão ela conta com ajuda de outro atirador, eternamente bêbado, além de alguns jovens e inexperientes companheiros.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Catherine Ballou, que deseja ser professora, viaja de trem até Wolf City, Wyoming, para visitar seu pai, o rancheiro Frankie Ballou. Uma grande corporação deseja se apossar do rancho de seu pai, que acaba morrendo nas mãos do pistoleiro contratado Tim Strawn ou Silvernose (Nariz-de-Prata). Ela e seus companheiros procuram o famoso Kid Shelleen para ajudá-los a se vingar. Mas não sabiam que o antigo cowboy agora é um alcoólatra, que mal se sustenta em cima do cavalo (as cavalgadas desequilibradas de Shelleen, que ameaça mas nunca cai do cavalo, são engraçadíssimas). Mas mesmo assim eles partem para o confronto contra os assassinos.(Os dois pistoleiros antagonistas, que se suspeita serem irmãos, são interpretados por Lee Marvin).

Elenco[editar | editar código-fonte]

Principais prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Oscar (1966)

  • Venceu na categoria de melhor ator (Lee Marvin).
  • Indicado nas categorias de melhor edição, melhor canção original, melhor trilha sonora e melhor roteiro adaptado.

BAFTA (1966)

  • Venceu na categoria de melhor ator estrangeiro (Lee Marvin).

Festival de Berlim (1965)

Globo de Ouro (1966)

  • Venceu a categoria melhor ator - comédia/musical (Lee Marvin).
  • Indicado nas categorias de melhor filme - comédia/musical, melhor atriz - comédia/musical (Jane Fonda) e melhor trilha sonora.
Portal A Wikipédia tem o portal:

Referências

  1. A Mulher Felina no DVDPT (Portugal)
  2. Dívida de Sangue no CinePlayers (Brasil)
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme de faroeste é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.