Cidade Industrial de Curitiba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Cidade Industrial (Curitiba))
Ir para: navegação, pesquisa
Cidade Industrial
Subprefeitura Cidade Industrial
Área 43,38 km²
População 157.461 hab.
Densidade 36,30 hab/km²
Bairros Limítrofes Augusta, Campo Comprido, Capão Raso, Fazendinha, Novo Mundo, Orleans, Pinheirinho, Riviera, São Miguel e Tatuquara.
Principais Vias Avenida Juscelino Kubitschek de Oliveira
Contorno Sul
Avenida das Indústrias
Rua Eduardo Sprada
Rua João Dembinski
Rua Raul Pompéia
Rua Professor Algacyr Munhoz Mader
Rua Senador Accioly Filho
Rua João Bettega
Rua Pedro Gusso
Rua Desembargador Cid Campelo
Rua João Chede
Rua João Lunardelli
Estrada Velha do Barigui
Rodovia do Xisto
Pontos de referência Distrito Industrial de Curitiba
Parque Diadema
Terminal CIC
Bosque do Trabalhador
Terminal Caiuá
Parque Caiuá
Bosque São Nicolau

A Cidade Industrial de Curitiba [1], ou CIC [2], é um bairro da cidade brasileira de Curitiba, Paraná.

Trata-se do maior bairro da cidade, em área geográfica, e nele está sediado o distrito industrial da cidade, concebido na década de 1970 como indutor do desenvolvimento industrial do município.

A Cidade Industrial de Curitiba é grande em todos os sentidos. Tem 10% da população da cidade [3], que tem 75 bairros [4]. No Censo de 2000, moravam na CIC 157.461 pessoas, de um total de 1.587.315. Mede mais de 15 km de extensão, indo da BR-277, que a divide do Orleans até a ex BR-116 (atual BR-476), que a separa do bairro do Tatuquara. Todo o Contorno Sul está em seu território.

Tamanha extensão faz dela o único bairro de Curitiba que pertence a duas regiões, no caso, Zona Oeste e Zona Sul. É dividida em CIC Norte, CIC Central e CIC Sul. Na porção norte, estão as vilas Jardim Gabineto, Vila Sandra, Atenas, entre outras. A porção do meio engloba as vilas Itatiaia, Osvaldo Cruz 1 e 2, Vila Nossa Senhora da Luz, Santa Helena, Conquista, Caiuá, Barigüi e várias outras. No CIC Sul, dentre diversas vilas, estão a Vila Verde e Vitória Régia.

As CICs Norte e Central pertencem a Zona Oeste. Vários de seus habitantes dizem morar em outros bairros, como Campo Comprido e Fazendinha. A CIC Central é a parte mais residencial. Os extremos concentram mais áreas industriais. A CIC Sul se localiza na Zona Sul.

Criada em 1973, como resultado de convênio entre a URBS e o governo do Estado do Paraná, a CIC tem crescido consideravelmente, não só nos setores destinados à instalação de novas indústrias, mas também nas zonas de habitação. Contém divergências sociais, ao mesmo momento em que possui porções mais desenvolvidas e com maior poder aquisitivo, também possui grandes invasões.

As invasões da Vila Verde, Barigüi, Barro Preto (no Jardim Gabineto), Colina Verde (próximo ao Caiuá), Vila Sabará (próxima a Vila Conquista), Belo Ar (vizinha à Vila Verde) e Gralha Azul (margeando a estrada de ferro que divide a CIC do Tatuquara), já foram regularizadas, e contam com infra-estrutura, como luz, água, telefone e ruas abertas e nomeadas.

Quando implantada, a CIC parecia ficar distante do centro da cidade, mas nos dias atuais, com a modernização do transporte coletivo, conta com acesso facilitado, possuindo, além do Terminal CIC, o terminal Caiuá, desde 1999. O terminal Campo Comprido, embora fique na divisa do bairro que o nomeia, já está em território da Cidade Industrial. Os terminais Fazendinha e Capão Raso, localizados em outros bairros, têm grande número de alimentadores e ligeirinhos que vão para a CIC. Há ainda alimentadores para os terminais do Portão e Pinheirinho, e linhas convencionais e interbairros.

Referências

  1. «População Cidade Industrial de Curitiba - Curitiba». População.net.br. Arquivado desde o original em 22/06/2016. Consultado em 22 de junho de 2016. 
  2. Luiz Henrique de Oliveira (26/11/2014). «Confira quais os melhores e piores bairros de Curitiba, segundo o Atlas do IDHM». Banda B. Arquivado desde o original em 29/11/2014. Consultado em 22 de junho de 2016. 
  3. Maurílio Mendes (08/03/2015). «Uma grande série sobre Curitiba: mapa com as regiões da cidade». O Caminhante. Arquivado desde o original em 22/06/2016. Consultado em 22 de junho de 2016. 
  4. «Mapa de Curitiba». Viagem de Férias. Arquivado desde o original em 18/06/2010. Consultado em 22 de junho de 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]