Xaxim (Curitiba)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Xaxim
Mapa xaxim.jpg
Subprefeitura Boqueirão[1]
Área 9,09[2] km²
População 57 182 (censo 2010)[2] hab.
Densidade 6.290,65 hab/km²
Bairros Limítrofes Alto Boqueirão, Boqueirão, Capão Raso, Fanny, Hauer, Novo Mundo, Pinheirinho e Sítio Cercado.
Principais Vias Rua Francisco Derosso
Avenida Brasília
Rua Waldemar Loureiro Campos
Linha Verde
Pontos de referência Praça Jardim Esmeralda
Bosque Reverendo Elias Abrahão
Viaduto da Avenida Brasília
Praça Nelson Satenarski Monteiro
Praça Brasílícia dos Santos Muniz[3]

Xaxim é um bairro da região sul da cidade de Curitiba, no estado do Paraná, Brasil.

Topônimo[editar | editar código-fonte]

"Xaxim" é um termo de origem caingangue[4], que se refere ao tronco de certas samambaias.

Na divisa das antigas propriedades, existiam muitas valas plantadas com xaxim, além do que o "batedor" da porteira da Fazenda Boqueirão, também era desta planta. Desta maneira, a região ficou popularmente conhecida por este tipo de pteridophyta, que mais tarde foi oficializada pela administração da cidade como "bairro xaxim".[5][6]

Histórico[editar | editar código-fonte]

A região onde se encontra o atual bairro, até meados do século XIX era habitado por caboclos e índios e recortada por uma estrada não pavimentada que ligava a capital com a cidade de São José dos Pinhais (esta estrada é a atual Rua Francisco Derosso). A partir dos primeiros anos do século XX, a região começou a receber imigrantes, como os italianos, poloneses e, principalmente, os alemães menonitas, que começaram a comprar terras e sítios.[5]

Os imigrantes começaram a cultivar e a produzir bens de consumo em suas propriedades, o que propiciou um crescimento populacional moderado, além de novos investimentos, como a abertura de um matadouro conhecido por “charqueada dos Hauser", ocupando uma grande área da região. A partir da metade o século XX, estes sítios, chácaras e o matadouro, foram vendidos para especuladores imobiliários que iniciaram o loteamento destas propriedades e onde surgiram as vilas São Pedro, Vila Rex e Jardim Urano, as primeiras áreas popularmente habitadas do bairro.[5][7]

Dados gerais[editar | editar código-fonte]

Conforme dados do IBGE em 2010, a área total do bairro é de 909 hectares (2,09% do território da cidade) e sua população era de 57.182 habitantes, o que corresponde a uma densidade demográfica de 62,94 hab/ha.[5][8]

Referências

  1. «Regional Boqueirão» (PDF). Agência de Notícias P.M. de Curitiba. 1 de janeiro de 2017. Consultado em 8 de outubro de 2019 
  2. a b «Bairro Xaxim - Dados IPPUC» (PDF). Site Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba. Agosto de 2018. Consultado em 8 de outubro de 2019 
  3. «US Xaxim» (PDF). Site Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba. Janeiro de 2019. Consultado em 8 de outubro de 2019 
  4. «A língua Kaingang» (PDF). Portal Kaingang 
  5. a b c d «Nosso Bairro - Xaxim» (PDF). Site Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Curitiba. 2015. Consultado em 8 de outubro de 2019 
  6. «Conheça a história do nome dos bairros de Curitiba». Portal Bem Paraná. 21 de abril de 2019. Consultado em 8 de outubro de 2019 
  7. «Descubra quais são as origens dos nomes dos bairros de Curitiba». Portal GShow - Estúdio C - Globo. 17 de agosto de 2019. Consultado em 8 de outubro de 2019 
  8. «Prefeitura Municipal de Curitiba - Nosso Bairro» (PDF). Site Curitiba-Parana. Fevereiro de 2013. Consultado em 8 de outubro de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]