Colóquio Walter Lippman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Colóquio Walter Lippman, em francês Colloque Walter Lippmann, foi uma conferência de intelectuais organizada em Paris em agosto de 1938 pelo filósofo francês Louis Rougier. [1] Depois que o interesse no liberalismo clássico diminuiu nas décadas de 1920 e 1930, o objetivo era construir um novo liberalismo como uma rejeição do coletivismo, do socialismo e do liberalismo laissez-faire.[2] Na reunião o termo neoliberalismo foi cunhado por Alexander Rustow referindo-se à rejeição do (antigo) laissez-faire.[2]

O nome foi escolhido para homenagear o jornalista americano Walter Lippmann. O livro de Lippman An Enquiry into the Principles of the Good Society tinha sido traduzido para o francês como La Cité libre e foi discutido em detalhe na reunião. Vinte e seis intelectuais, incluindo alguns dos mais proeminentes pensadores liberais, participaram do encontro entre eles Walter Lippmann, os alemães Ordoliberais como Wilhelm Röpke e Alexander Rustow, os teóricos da Escola Austríaca Friedrich Hayek e Ludwig von Mises. Walter Eucken foi convidado para o colóquio, mas foi não recebeu permissão pelo governo Nazista para deixar a Alemanha.[3] Outros participantes franceses incluíram Raymond Aron, Robert Marjolin, Louis Rougier, e Jacques Rueff.

Os participantes optaram por criar uma organização para promover o liberalismo, o Comité international d'étude pour le renouveau du libéralisme (CIERL). Embora CIERL teve poucas conseqüências por causa da guerra, inspirou Friedrich Hayek na criação do pós-guerra da Sociedade Mont Pèlerin.

Referências

  1. Denord, François (2009). «French Neoliberalism and its Divisions: From the Colloque Walter Lippmann to the Fifth Republic». In: Philip Mirowski and Dieter Plehwe. The Road from Mont Pèlerin: The Making of the Neoliberal Thought Collective. [S.l.]: Harvard University Press. pp. 45–67. ISBN 978-0-674-03318-4. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  2. a b Plehwe, Dieter (2009). «Introduction». In: Philip Mirowski and Dieter Plehwe. The Road from Mont Pèlerin: The Making of the Neoliberal Thought Collective. [S.l.]: Harvard University Press. p. 13. ISBN 978-0-674-03318-4. Consultado em 22 de agosto de 2012 
  3. Foucault, Michel (2010). The Birth of Biopolitics: Lectures at the Collège de France, 1978–1979. [S.l.]: Picador. pp. 132–3, 151–2. ISBN 978-0-312-20341-2. Consultado em 22 de agosto de 2012 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]