Curaçao e Dependências

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa



Curaçao e Dependências

Colônia da Holanda

Flag of the Netherlands.svg
 
Flag of the Netherlands.svg
1828 – 1954 Flag of the Netherlands Antilles (1959-1986).svg

Bandeira de Curaçao e Dependências

Bandeira

Lema nacional
Libertate unanimus (em neerlandês: «Unidos pela liberdade»)
Hino nacional
Nenhum


Localização de Curaçao e Dependências
Localização de Curaçao e dependências.
Continente América
País Países Baixos
Capital Willemstad
Língua oficial Neerlandês, papiamento e inglês
Governo Monarquia Constitucional parlamentar
História
 • 1828 Refundação
 • 15 de dezembro de 1954 Renomeação
Área 800 km²
Moeda Centavo de Curaçao
Dólar estadunidense

Curação e Dependências, oficialmente Colônia de Curaçao de Dependências foi uma colônia holandesa (neerlandesa) nas pequenas antilhas. Existiu durante dois períodos: o primeiro de 1815 á 1828 e o segundo de 1845 á 1954.[1]

História[editar | editar código-fonte]

Foi fundada a colônia de curação e dependências a partir das ilhas holandesas localizadas no Caribe, que foram capturadas por Napoleão, e após sua queda, foram devolvidas para o Reino dos Países Baixos. Fundada pela primeira vez em 1815, a colônia foi rebaixada para administração da Guiana Holandesa em 1828 para reduzir custos administrativos.

Porém, em 1845, voltam atrás e recriam a colônia de Curaçao e Dependências devido á ineficiência do governo de Paramaribo em administrar as ilhas, e ficaram desde então. Em 1945, o termo colônia é revisado, e então, o termo Curaçao e dependências deixa de ser utilizado e passa a ser utilizado o termo Antilhas Holandesas. Porém, o status das ilhas só vai mudar em 1954, quando é emancipado da Holanda e passa a ser um país dentro do Reino dos Países Baixos, status que permaneceu até 2010.

Ilhas[editar | editar código-fonte]

Ilhas ABC, na costa da Venezuela:

Ilhas no norte das Pequenas Antilhas:

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Decolonising The Caribbean: Dutch Policies In A Comparative Perspective» (em inglês). Consultado em 15 de fevereiro de 2015