Daniele Bracciali

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Tenista Daniele Bracialli
Bracciali WM13-003 (9475508331).jpg
País  Itália
Residência Arezzo, Itália
Data de nasc. 10 de janeiro de 1978 (39 anos)
Local de nasc. Arezzo, Itália
Altura 1,80m
Peso 78kg
Profissionalização 1995
Prize money US$ 1,049,602
Simples
Vitórias-Derrotas 35–55
Títulos 1
Melhor ranking Nº 49 (8 de Maio de 2006)
Resultados de Grand Slam
Open da Austrália R64 (2006)
Roland Garros R128 (2005,2006)
Wimbledon R32 (2006,2008)
US Open R128 (2005,2006)
Duplas
Vitórias-Derrotas 123–117
Títulos 1
Melhor ranking Nº 66 (14 de Novembro de 2005)
Última atualização em: 19 de fevereiro de 2010.

Daniele Bracciali (Arezzo, 10 de Janeiro de 1978) é um tenista profissional italiano, seu melhor ranking de simples de N. 49, em duplas de N. 66.

Dentro de campo, representou a Equipe Italiana de Copa Davis, e venceu o ATP de Casablanca, em 2006 vencendo na sequência: Olivier Patience; Alexander Waske; Luis Horna; Gilles Simon e na decisão o chileno Nicolás Massú, em duplas, faturou um título em solo pátrio, ao lado de Giorgio Galimberti, vencendo a parceria francesa na final de Jean-François Bachelot e Arnaud Clément.

Escândalo de apostas[editar | editar código-fonte]

Bracciali, junto com Potito Starace, sofreram uma punição devido ao escândalo das apostas no ténis, em 2007 o tenista também italiano Alessio di Mauro, também já tinha apanhado em flagrante no caso, Bracciali foi multado em cerca de 18.400 euros e três meses sem poder jogar. As apostas foram feitas em jogos em que eles não estavam envolvidos.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Simples
Duplas

Ligações externas[editar | editar código-fonte]