Delonix regia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaDelonix regia
Detalhe da flor da Delonix regia no kibutz Ginnossar, em Israel

Detalhe da flor da Delonix regia no kibutz Ginnossar, em Israel
Estado de conservação
Status iucn2.3 VU pt.svg
Vulnerável (IUCN 2.3)
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Fabales
Família: Fabaceae
Subfamília: Caesalpinioideae
Género: Delonix
Espécie: D. regia
Nome binomial
Delonix regia
(Hook.) Raf.
Sinónimos
Poinciana regia Hook.

A Delonix regia (Hook.) Raf.[1] , chamada em português flamboiã,[2] flamboaiã[3] ou acácia-rubra,[4] é uma árvore da família das leguminosas (Fabaceae). É nativa da ilha de Madagascar, tendo-se em seguida espalhado pela zona tropical da África continental, sendo posteriormente, por sua beleza, levada a outros continentes, como a Europa e as Américas.[5] Por sua beleza, é uma das plantas mais usadas com fins ornamentais em regiões tropicais e subtropicais de todo o mundo.[6]

Etimologia[editar | editar código-fonte]

Os nomes em português flamboiã e flamboaiã derivam do nome francês flamboyant,[2] por sua vez oriundo do latim flammare, incendiar. Recebeu esse nome devido ao vermelho vivo característico de suas flores.[3] A planta foi descoberta na ilha de Madagascar[5] por um botânico francês em 1824.[6] Antes de receber a atual nomenclatura científica de Delonix regia, havia sido classificada como Poinciana regia.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Acácias-rubras am Timor-Leste

Embora esteja ameaçada de extinção no estado selvagem, é muito cultivada pelo seu valor ornamental.[7]

Adaptou-se muito bem em toda a América tropical, sendo muito popularizada nas ilhas do Caribe. No Brasil, é usada na arborização de ruas e praças.[3]

Apesar de ser muito ornamental devido às suas belíssimas flores, seu uso na arborização urbana fica recomendado apenas a parques e grandes espaços, devido à sua altura média de 7 a 10 m e a suas raízes muito superficiais e danosas, que destroem as calçadas ao seu redor. Uma boa opção é plantar a Caesalpinia pulcherrima, que é semelhante ao flamboaiã porém com porte menor e sem o problema das raízes.

Delonix regia no Pátio de Santo Domingo, em Oaxaca, no México

Suas folhas são caducifólias, medem em média 30 a 60 cm de comprimento, são pecioladas (haste) e revestidas por pelos finos e curtos, recompostas com folíolos pequenos medindo de 1 a 1,5 cm de comprimento e caducos (decíduos). A sua copa tem um formato largo (oblongo) e seu crescimento é relativamente rápido. Suas flores são majestosas e de cor vermelha-alaranjada ou amarelas. Cada flor possui 5 pétalas, sendo uma delas maior, com face superior rajada de vermelho ou laranjando sobre um fundo branco com bordas avermelhadas, e 5 sépalas. A época de floração é de outubro a dezembro. O seu fruto é do tipo vagem, conhecido também como legume. De coloração castanho-escura, possui tamanho avantajado e permanece na árvore por mais de seis meses. A semente é dura, alongada, com 1,70 cm de comprimento em média (nunca mais de 2 cm) e sua coloração é castanho-clara.[7]

Para germinar as sementes, basta lixar as laterais da semente alguns milímetros com uma lixa número 150 encontrada em depósitos de Material para construção (jamais lixe as pontas ), após o lixamento deixe as sementes na água limpa por 24 horas, as sementes dobram de tamanho. Plante as sementes em terra ou areia, e regue todos os dias até germinarem.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Raiz

As raizes do Flamboyant são bastante agressivas, com parte delas acima da superfície, tornando-a impropria para a ornamentação de calçada, ruas ou próximo à turbulações de água, esgoto, paredes e até mesmo fiação eletrica

Referências

  1. «Delonix regia (Hook.) Raf. — The Plant List». www.theplantlist.org. Consultado em 2016-05-03. 
  2. a b FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.785
  3. a b c Silva, Deonísio da (2014-01-03). De onde vem as palavras: origens e curiosidades da língua portuguesa LEXIKON Editora [S.l.] ISBN 9788583000082. 
  4. Freitas, Ana Amaro Nunes. «Acácia-rubra». www.cm-funchal.pt. Consultado em 2016-01-22. 
  5. a b LTDA-EPP, Lexikon Editora Digital. «Significado de flamboaiã». auleteuol.w20.com.br. Consultado em 2016-01-22. 
  6. a b «Acácia Rubra pinta de vermelho algumas ruas do Funchal | DNOTICIAS.PT». www.dnoticias.pt. Consultado em 2016-01-22. 
  7. a b Mondin, Cláudio A.; Eggers, Lilian; Ferreira, Pedro Maria de Abreu (2010-01-01). Catálogo ilustrado de plantas: espécies ornamentais da PUCRS EDIPUCRS [S.l.] ISBN 9788574307213. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Delonix regia
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Delonix regia
Ícone de esboço Este artigo sobre leguminosas (família Fabaceae), integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.