Desporto em Istambul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Vista áerea do Estádio Olímpico Atatürk, o maior estádio multiusos da Turquia

O desporto mais popular em Istambul, a maior cidade da Turquia, é o futebol. Na cidade estão sediados vários dos clubes desportivos mais notórios da Turquia, os quais, além das equipas de futebol, têm também equipas importantes noutras modalidades, nomeadamente de basquetebol e voleibol, não sendo raro estarem presentes em competições internacionais de alto nível. A cidade é também conhecida internacionalmente pelas provas de automobilismo. O relevo do desporto na vida da cidade é evidenciada, por exemplo, pela escolha de Istambul para Capital Europeia dos Desportos.[1] [2] e pela candidatura à organização dos Jogos Olímpicos de 2020.[3]

Durante os períodos romano e bizantino, os eventos desportivos mais importantes em Constantinopla eram as corridas de quadrigas que se realizavam no Hipódromo de Constantinopla, o qual tinha capacidade para mais de 100 000 espetadores.[4] A competição era tão renhida que as equipas tinham um peso político considerável e não raro davam origem a motins, como a Revolta de Nika, em 532, durante a qual uma parte da cidade e a recém-ampliada Basílica de Santa Sofia foi destruída.[5]

Atualmente os desportos mais populares na cidade são o futebol, basquetebol e voleibol. Alguns dos clubes desportivos mais importantes e mais famosos da Turquia têm a sua sede em Istambul, como é o caso do Galatasaray S.K.,[6] do Beşiktaş J.K.,[7] do Fenerbahçe S.K.,[8] do Kasımpaşa S.K. e do İstanbul Büyükşehir.[9] Os três primeiros têm equipas de primeiro nível tanto de futebol como de outros modalidades.[1] Em basquetebol, além daqueles clubes destaca-se ainda o Anadolu Efes S.K., detentor de vários títulos europeus.[10] [11] Em voleibol as equipas mais com mais sucesso são as do Eczacıbaşı,[12] VakıfBank Güneş Sigorta[13] e Fenerbahçe.

Equipa do Galatasaray na época 1909-1910

A prática do futebol em Istambul remonta ao final do século XIX e foi iniciado por ingleses residentes na cidade. Atualmente o futebol faz parte da cultura popular turca em geral e istambulita em particular. Embora por vezes haja confrontos, em geral as celebrações dos jogos são pretexto para festas de rua pacíficas, com muitos abraços e canções. O recorde do Guiness para o maior brado de multidão foi registado em 18 de março de 2011 no Türk Telekom Arena, o novo estádio do Galatasaray.[9]

Entre os feitos mais relevantes do futebol turco nos últimos anos estão a conquista da Taça UEFA[14] e da Supertaça Europeia pelo Galatasaray em 2000.[15]

Ocasionalmente decorrem no Bósforo provas do Campeonato do Mundo de F1 Powerboat. No Bósforo e o mar de Mármara têm lugar várias regatas e no Corno de Ouro decorrem competições de remo. Diversos clubes importantes, como o Galatasaray, Fenerbahçe e Beşiktaş, bem como universidades, têm equipas de remo. Durante o verão também são organizadas provas de natação no mar de Mármara. Desde 1979 que todos os anos é organizada uma maratona internacional, de cujo percurso faz parte a Ponte do Bósforo, o que faz dessa prova a única maratona intercontinental.

As corridas de cavalos são também populares; o hipódromo de Zeytinburnu está constantemente lotado e há diversos centros de equitação nos arredores da cidade. Os festivais aéreos são uma novidade na cidade, mas em 2006 e 2007 decorreram provas do Red Bull Air Race World Series sobre o Corno de Ouro.[1] [16]

Infraestruturas desportivas[editar | editar código-fonte]

O Istanbul Park, um autódromo onde é realizado o Grande Prémio da Turquia

O maior estádio multiusos da Turquia, o Estádio Olímpico Atatürk encontra-se em Istambul. Tem capacidade para 80 600 espetadores de futebol ou 75 145 de atletismo. É considerado um estádio de cinco estrelas pela UEFA e de primeira categoria para atletismo, alcançando as mais altas classificações atribuídas por federações internacionais como o Comité Olímpico Internacional, FIFA, e IAAF. O estádio acolheu a Final da Liga dos Campeões da UEFA de 2004-05.

Outros grandes estádios da cidade são o İnönü (casa do Beşiktaş J.K.), o Erdoğan (casa do Kasımpaşa S.K.), o Ali Sami Yen, o Türk Telekom Arena e o Şükrü Saraçoğlu. Este último é a casa do Fenerbahçe e existe desde 1908; após as obras de renovação terminadas em 2006, foi classificado com cinco estrelas pela UEFA; acolheu a final da Taça UEFA 2008-2009. O Ali Sami Yen foi até 2011 a casa do Galatasaray, tendo sido substituído nessa função pelo novo Estádio Ali Sami, o Türk Telekom Arena, inaugurado em janeiro de 2011.

O Sinan Erdem Spor Salonu é o maior pavilhão coberto multiusos da Turquia. Foi palco da final do Campeonato Mundial de Basquetebol Masculino de 2010 e vai ser um dos recintos onde decorrerão o Campeonato Mundial de Atletismo em Pista Coberta de 2012 e o Campeonato Mundial de Natação em Piscina Curta de 2012. A Abdi İpekçi Arena acolheu a final do Campeonato Europeu de Basquetebol Masculino de 2001 (FIBA EuroBasket) e alguns jogos da Euroliga de 1992.

O autódromo Istanbul Park acolhe ou acolheu diversos eventos internacionais de desporto automóvel, como o Grande Prémio de Fórmula 1 da Turquia,[17] [18] provas dos campeonatos mundiais de motociclismo da FIM,[19] carros de turismo da FIA,[20] GP2[21] e Le Mans Series.

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b c Sansal, Burak. Sports & Recreation in Istanbul (em inglês). GreatIstanbul.com. Arquivado do original em 22 de junho de 2009. Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  2. President of The European Capital of Sport Association (ACES) announced that İstanbul was selected the European Capital of Sport in 2012 (em inglês). www.visitistanbul.org. Visit istanbul. Arquivado do original em 28 de agosto de 2011. Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  3. Turquia anuncia candidatura de Istambul aos Jogos Olímpicos de 2020. esporte.uol.com.br. UOL Esporte (13 de agosto de 2008). Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  4. Bassett, Sarah Guberti. (1991). "The Antiquities in the Hippodrome of Constantinople" (em inglês). Dumbarton Oaks Papers 45: 87-96. Dumbarton Oaks, Trustees for Harvard University. DOI:10.2307/1291694. Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  5. Vancea, Sam (2008). Justinian and the Nike riots (em inglês). cliojournal.wikispaces.com. Clio History Journal. Arquivado do original em 29 de agosto de 2011. Página visitada em 29 de agosto de 2011.
  6. Galatasaray: one myth, many facts (em inglês). www.galatasaray.org. Site oficial do Galatasaray Spor Kulübü. Arquivado do original em 12 de março de 2011. Página visitada em 12 de março de 2011.
  7. Our club » History (em inglês). www.bjk.com.tr. Site oficial do Beşiktaş Jimnastik Kulübü. Arquivado do original em 12 de março de 2011. Página visitada em 12 de março de 2011.
  8. History (em inglês). www.fenerbahce.org. Site oficial do Fenerbahçe Spor Kulübü. Arquivado do original em 1 de fevereiro de 2010. Página visitada em 12 de março de 2011.
  9. a b Simpson, Helen (julho de 2011). Sports in Istanbul (em inglês). www.mydestination.com. Arquivado do original em 28 de agosto de 2011. Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  10. Efes Pilsen (em inglês). www.euroleague.net. Euroleague Basketball. Arquivado do original em 12 de março de 2011. Página visitada em 12 de março de 2011.
  11. Our Successes (em inglês). en.efesbasket.org. Site oficial do Anadolu Efes. Arquivado do original em 29 de agosto de 2011. Página visitada em 29 de agosto de 2011.
  12. Eczacıbaşı Sports Club - History (em inglês). www.eczacibasi.com. Site do Grupo Eczacıbaşı, patrocinador do Eczacıbaşı Sports Club. Arquivado do original em 11 de março de 2011. Página visitada em 29 de agosto de 2011.
  13. Tarihçe (em turco). www.vakifgunes.com. Site oficial do VakıfBank Güneş Sigorta. Arquivado do original em 11 de março de 2011. Página visitada em 29 de agosto de 2011.
  14. Penalty heartbreak for Arsenal (em inglês). news.bbc.co.uk. BBC (17 de maio de 2000). Arquivado do original em 7 de fevereiro de 2008. Página visitada em 12 de março de 2011.
  15. Jardel golden goal sinks Real (em inglês). news.bbc.co.uk. BBC (25 de agosto de 2000). Arquivado do original em 12 de março de 2011. Página visitada em 12 de março de 2011.
  16. Novas emoções na fronteira da Ásia. www.redbull.pt (26 de julho de 2007). Arquivado do original em 12 de março de 2011. Página visitada em 12 de março de 2011.
  17. Istanbul, Turkey (em inglês). news.bbc.co.uk. BBC (22 de fevereiro de 2006). Arquivado do original em 13 de maio de 2008. Página visitada em 12 de março de 2011.
  18. Holt, Sarah (8 de maio de 2011). Red Bull's Sebastian Vettel clinches Turkish Grand Prix (em inglês). news.bbc.co.uk. BBC. Página visitada em 28 de agosto de 2011.
  19. Calendar (em inglês). www.MotoGP.com. Página visitada em 12 de março de 2011.
  20. 2005 Season (em inglês). www.fiawtcc.com. WTCC FIA World Touring Car Championship. Página visitada em 12 de março de 2011.
  21. Calendar GP2 Series (em inglês). gp2series.com. Página visitada em 12 de março de 2011.