Discussão:Ética

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Erro História da ética[editar código-fonte]

Como não sou da área, preferi não modificar....

  • 2 História da ética
  • 2.1 Ética na filosofia pré-socrática
  • 2.1.1 Ética sofistica
  • 2.1.2 Ética socrática
  • 2.1.3 Platão

.... mas acho que deve estar errado esta sequencia. Me parece mais lógico a sequencia assim:

  • 2 História da ética
  • 2.1 Ética na filosofia pré-socrática
  • 2.2 Ética sofistica
  • 2.3 Ética socrática
  • 2.4 Platão
  • 2.5 Aristóteles

Porque se colocar, Ética sofista, ética socrática, dentro da hierarquia Ética na filosofia pré-socrática, vai subentender ser um subtema da Ética pré-socrática e não temas distintos.--Jozeias3d (discussão) 14h17min de 9 de novembro de 2016 (UTC)

Formatação[editar código-fonte]

Acho que o ola senhorita!! artigo está se perdendo demais em dizer sobre a moral e perdendo a relação com o que é a ética. Não há palavra sobre a questão do sumo bem, que é fundamental em qualquer teoria ética, seja grega, seja moderna, seja contemporânea (o que é o bem é uma discussão gigantesca no texto de Moore.)

Seria necessário perceber o que se quer fazer com o artigo. Apenas traçar uma distinção entre ética e moral? Se for, acho que o artigo ainda assim contém problemas.


Alguém, pelo amor de Odin, corrija o problema na formatação do texto. Obrigado -- Fernando S. Aldado 04:38, 14 Novembro 2005 (UTC)

Ok Fernando, feito! Ore por mim para Odin, senão deixarei de ir para o Céu, eheheheheh.Angeloleithold 01:08, 19 Fevereiro 2006 (UTC)

Alguém sabe me falar o que é ética?

Se a Moral fosse a Música, a Ética seria a Musicologia (o estudo da música). A Moral, qualquer que seja, não existe de forma conexa e lógica, sem a Ética. Orlando Braga


A liberdade como um problema ético[editar código-fonte]

Por gentileza vcs podem me explicar a sintese "a liberdade como um problema ético"

É simples: a sua liberdade termina onde começa o de outra pessoa e vice versa. Ser livre significa fazer TUDO aquilo que se deseja, porém, muitas vezes podemos encontrar falta de ética em realizar todos os seu desejos, já que vivemos em sociedade. Para fazermos tudo o que queremos acabamos por desapontar, ferir ou atrapalhar outras pessoas. Por isso, a liberdade pode se apresentar como um porblema ético. os problemas éticos,se relacionam em nossos dia dia!!!

Revisão[editar código-fonte]

muito ruim esse artigo. a começar pela distinção entre moral como normativa e etica como teorica: é uma distinçao conceitualmente sem sentido, alem de terminologicamente irrelevante, como o prorprio artigo reconhece logo em seguida, ao dizer q as palavras sao usadas como sinonimos. talvez o caso seria entre etica aplicada e meta-etica, em relaçao as designaçoes de "normativa" e "teorica", mas mesmo nesse caso isso seria problematico.

Tá lá nas fontes citadas. Como eu escrevi há pouco, quando tirei o aviso de falta de fontes, o artido ainda precisa de revisão e qualquer editor é convidado a melhorá-lo mas, por favor, não comece do zero... É necessário respeito pelos editores anteriores e pelas fontes citadas. Se houver opiniões contraditórias, estas devem estar suportadas pelas respectivas fontes. --Rui Silva (discussão) 13h42min de 22 de Julho de 2008 (UTC)

Eliminação.[editar código-fonte]

Pior artigo que já vi na Wiki, mesmo trantando de um tema tão relevante. Deve ser eliminado o mais rapido possivel para nao confundir ningem.

  Apesar de ser impossível definir Ética numa enciclopédia, pois há inumeras divergências quanto as formas, estrutura e etc...

Penso então que deve ser enunciado aqui uma noção básica de Ética e não comparações com a moral. por exemplo.

  O Autor do artigo tentou explicar a Ética, comparando-a com a Moral. Ora, a Moral nada mais é do que uma expressão que se origina de uma éspecie da ética, que é o Bem. 
  Vou citar agora o que considero falso,isto é,o que faz o artigo merecer ser eliminado. 


-"Define-se Moral como um conjunto de normas, princípios, preceitos, costumes, valores."

A moral se distingue do costume. ex. Não há moral quando não há sinceridade do individuo nas relaçoes humanas,mas a sinceridade não é dispensável aos costumes.

-"enquanto a moral é normativa, a ética é teórica."(veja que na 5ª linha é enunciado "norma ética") A ética é normartiva, isto é, em razão dos valores dominantes, a Ética apresenta o que é esperado como comportamento normal


-"A ética também não deve ser confundida com a lei"

Que lei?Existe leis da física e leis culturais.Acredito que a lei em referência seja as leis jurídicas. Contudo, tal afirmaçao causa uma enorme confusão, pois as leis culturais abrangem a Ética.

- Doutrina.

Pelo amor de deus,a ÉTICA È NORMATIVA por natureza, ela cria regras e normas em razão do valor que foi dado em uma relaçao humana. A história, por exemplo, não é normativa pois ela apenas "retrata" valores e ela que mostra o que foi passado.

"Além de tudo ser Ético é fazer algo que te beneficie e, no mínimo, não prejudique o "outro"" essa é a chamada ética formal de Kant. Há quem diga que qualquer atividade humana quando intencionada a um juizo de valor é ética.(Max Scheler)


O final do artigo está melhor,porém continua afirmando que é a ética não é normativa e fazendo comparaçoes irrelevantes com a moral. o comentário precedente deveria ter sido assinado por AntonioCampanati (discussão • contrib.) JSSX uai 18h14min de 17 de fevereiro de 2010 (UTC)

Revisão de parte do artigo[editar código-fonte]

Pessoal, eu não tinha visto esta página de discussão, perdoem-me então por não ter falado aqui da revisão que venho fazendo desde 20/05. A versão de antes das minhas revisões pode ser verificada neste link: [1].

O que fiz foi basicamente fazer o artigo abranger o campo propriamente filosófico da ética (éticas de Espinoza, Aristóteles, Antístenes, Epicuro e assim por diante). Por esta razão, tive que fazer uma mudança drástica na definição ("estudo do melhor modo de viver" ao invés de "estudo da moral"). Além disso, apaguei também muita besteira. No entanto, a parte não filosófica da ética (ética como disciplina da administração, do direito, das ciências, etc., além da ética profisional) ainda carece de revisão, pois o campo que domino é só o da filosofia. Assim, os capítulos "Comportamento ético", "Visão" e Ética nas ciências continuam por revisar. Joaosac (discussão) 22h25min de 24 de maio de 2010 (UTC)

1911 Encyclopædia Britannica/Ethics[editar código-fonte]

Tenho feito aos poucos a tradução do artigo Ethics da edição de 1911 da Encyclopædia Britannica. Como muitos devem saber, essa obra encontra-se em domínio público e, portanto, o seu conteúdo pode ser incluído na Wikipédia. --JorgePP (discussão) 04h45min de 18 de maio de 2011 (UTC)

Saúdo a tua iniciativa. A única ressalva é que a enciclopédia britânica de 1911 pode estar desatualizada quanto ao que se sabe hoje da ética dos filósofos da grécia antiga. Ela fala da ética grega antiga como se tivesse o sentido da ética de hoje, como estudo estrito da moral e não no amplo sentido grego antigo de "melhor modo de viver". Joaosac (discussão) 15h45min de 20 de maio de 2011 (UTC)
Prezado João, concordo contigo sobre o problema de desatualização. O tópico "definição e objeto de estudo" deixa bastante a desejar. Mas, por outro lado, vejo duas vantagens: (1) evitam-se batalhas sobre quais temas são ou não são mais importantes; (2) fica-se com um artigo coeso, com informações úteis e que poderá servir de base para posteriores atualizações.--JorgePP (discussão) 16h46min de 20 de maio de 2011 (UTC)
  • a ethos original ariana grega nada tinha a ver com os valores aliens de milenios depois..parem de sofismar anacronicamente..ha milenios o aristoteles achava algo comum ter escravos..essa era a ethos dele e de mais de 99% do ocidente na altura..