Driven

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Se procura pelo(a) por Linha ferroviária, veja Linha de alta velocidade.


Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde maio de 2010). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Driven
Corrida Alucinante (PRT)
Alta Velocidade (BRA)
 Estados Unidos
2001 •  cor •  116 min 
Direção Renny Harlin
Produção Renny Harlin
Elie Samaha
Sylvester Stallone
Roteiro Jan Skrentny
Neal Tabachnick (História)
Sylvester Stallone (roteiro)
Elenco Sylvester Stallone
Burt Reynolds
Kip Pardue
Til Schweiger
Gina Gershon
Estella Warren
Cristián de la Fuente
Género Desporto/Acção
Idioma inglês
Página no IMDb (em inglês)

Driven (br: Alta Velocidade / pt: Corrida Alucinante) é um filme americano de 2001 dos gêneros ação e automobilismo, dirigido por Renny Harlin e produzido, escrito e protagonizado por Sylvester Stallone. O filme mostra a adrenalina dentro das pistas e as excitantes vidas dos pilotos, exposta emocionantemente.

O filme relata a história de um talentoso veterano piloto de corridas que se confronta com o seu potencial desperdiçado, quando é convidado a retirar-se das pistas para dar lugar a um talentoso mas indisciplinado novato cujo temperamento está a levá-lo a envolver-se numa relação com a namorada do seu maior rival.

Elenco principal[editar | editar código-fonte]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O piloto novato Jimmy Bly surpreende o mundo automobilístico ao vencer cinco corridas do campeonato mundial. No entanto, começa a ser pressionado pelo seu irmão empresário, Demille, que tenta lucrar com a fama repentina do irmão. O rival de Bly, o grande campeão Beau Brandenburg, não desiste e começa a disputar palmo a palmo todas as corridas com Bly. A rivalidade entre os dois aumenta quando Bly começa a sair com a ex-companheira de Beau, a bonita Sophia. O patrão de Bly, descontente com a queda de produção e os problemas de seu piloto, chama o veterano Joe Tanto para ajudá-lo. Tanto a princípio não gosta do papel de coadjuvante, mas acaba por aceitar ajudar o garoto e a disputa do campeonato irá se acirrar e se tornar empolgante, com os pilotos arriscando tudo até a última corrida.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

Broom icon.svg
Se(c)ções de curiosidades são desencorajadas pelas políticas da Wikipédia.
Ajude a melhorar este artigo, integrando ao corpo do texto os itens relevantes e removendo os supérfluos ou impróprios.
  • O filme traz cenas de diversas corridas do campeonato da CART na época. Essa categoria, muito popular entre os americanos no período de 1995 a 2001, acabou cedendo terreno para a IRL Indy Racing League. Muitas das corridas, tais como a de Chicago, Motegi e Detroit agora são eventos da IRL, depois da interrupção do campeonato em 2008. A corrida da CART na Alemanha foi marcada pelo grave acidente onde Alex Zanardi perdeu suas pernas após colidir com o carro de Alex Tagliani a treze voltas do fim. No filme, a corrida da Alemanha aparece como uma corrida em circuito misto, mas a corrida verdadeira foi num circuito oval.

Sobre os personagens[editar | editar código-fonte]

  • O personagem de Reynolds, Carl Henry, é uma composição a partir dos verdadeiros donos de carros da Fórmula 1 Frank Williams (que usa uma cadeira-de-rodas) e da CART, Carl Haas.
  • Beau Brandenburg lembra Michael Schumacher[2], principalmente na época do filme quando o piloto tinha fama de vilão por causar colisões e polêmicas em corridas de 1994 e 1997.
  • Jimmy Bly lembra Al Unser Jr e um dos acidentes mostrados no filme parece se basear no ocorrido com esse piloto e Emerson Fittipaldi, nas voltas finais das 500 milhas de Indianápolis de 1989.
  • O parceiro original de Bly, Memo Moreno, recebeu seu nome de dois pilotos da época: Memo Gidley e o brasileiro Roberto Moreno.
  • A personagem Sophia foi inspirada em Corinna Betsh Schumacher,esposa de Michael Schumacher, que namorou Heinz-Harald Frentzen, muito antes de ser a "Sra. Heptacampeã".

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]