Duilio Davino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Davino
Informações pessoais
Nome completo Duilio César Jean Pierre Davino Rodríguez
Data de nasc. 21 de março de 1976 (43 anos)
Local de nasc. León,  México
Altura 1.80 m
Apelido Babyface
Informações profissionais
Clube atual Monterrey
Número 5
Posição Defensor
Clubes profissionais
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
1993–1997
1997–2007
2008
2009
2009–
México Tecos
México América
Estados Unidos Dallas
México Puebla
México Monterrey
65 (3)
323 (11)
23 (0)
15 (1)
17 (0)
Seleção nacional
1996-2006 Flag of Mexico.svg México 84 (2)

Duilio César Jean Pierre Davino Rodríguez (León, 21 de março de 1976) é um ex-futebolista mexicano que defendeu como último clube o Monterrey.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Atuou também por Tecos, América do México, Dallas e Puebla. Jogou também pela Seleção Mexicana durante dez anos. Jogou a Copa de 1998.

Davino, que também jogou as Olikmpíadas de Atlanta[1], duas Copas Ouro da CONCACAF, duas Copas das Confederações e duas Copas América, se envolveu em uma polêmica. durante uma partida do América do México, clube que defendia em 2006, foi chamado pelo árbitro Germán Arredondo de "cozinheiro homossexual" após Davino, que não foi convocado para a Copa de 2006, ter ofendido o trio de arbritragem. O defensor ficou irritado, mas Arredondo garantiu que jamais tinha dito tais insultos.

Referências

  1. «Elenco FRA'96 na Sports Reference». Consultado em 20 de junho de 2015 

Referências[editar | editar código-fonte]

UOL Esporte, Copa de 2006 - ONG protesta no México por insulto homofóbico a jogador