Einayim Petukhoth

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Cinema.
Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição. Este artigo está para revisão desde junho de 2017.


Einayim Petukhoth
Pecado da Carne[1] (BRA)
 Israel ·  França ·
 Alemanha

91 min 
Direção Haim Tabakman
Produção Raphael Katz
Música Nathaniel Mechaly
Cinematografia Axel Schneppat
Edição Dov Steuer
Distribuição Peccadillo Pictures
Lançamento 2009
Idioma hebraico
iídiche
alemão
inglês (idioma)
francês (idioma)

Einayim Petukhoth (em hebraico: עיניים פקוחות; no Brasil: Pecado da Carne; em francês: Tu n'aimeras point; em alemão: Du sollst nicht lieben) é um filme israelense de 2009 com roteiro de Merav Doster e dirigido por Haim Tabakman, em sua estreia. O filme foi lançado no Reino Unido em 14 de maio de 2009 por Peccadillo Pictures.[2] O filme foi co-produzido por Israel, França e Alemanha.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Aaron, um judeu ortodoxo, pai de quatro filhos que vive em Jerusalém, assume o açougue de sua família após a morte recente de seu pai. Ezri, um estudante desabrigado de dezenove anos, visita a loja para usar o telefone. Depois de recusar a oferta de Ezri, que lhe pediu para trabalhar no açougue, Aaron encontra-o dormindo na sinagoga local e oferece -lhe espaço na loja. Então leva Ezri como aprendiz e incentiva-o em seus estudos religiosos e seu talento para o desenho. Os dois homens se aproximam após Ezri convidar Aaron para tomar um banho ritual na periferia da cidade. Rivka, a esposa dedicada de Aaron, recebe o aprendiz do marido em seu círculo familiar. Uma noite, depois de Aaron pedir para que Ezri desenhasse seu retrato, Ezri insinua-se para ele, que o repudia. Mais tarde, porém, eles se beijam e têm uma relação sexual. Rivka suspeita quando o marido começa a chegar tarde em casa. Rabino Vaisben, um amigo da família, adverte Aaron por sua proximidade com Ezri, informando que ele foi expulso de seu Yeshiva local, mas Aaron defende o rapaz. Rivka, cada vez mais preocupada, os vê sair da loja juntos tarde da noite. Sendo um homem religioso e devoto, que vive em uma comunidade Haredi, Aaron está dividido entre sua família e devoção a Deus, e entre os sentimentos intensos que ele tem por Ezri. A Aaron é dito repetidamente que Ezri é uma má influência e talvez até mesmo seja amaldiçoado, as pessoas começam a repudiar Ezri, pedindo-o para ficar longe deles. Folhetos começam a circular no bairro, levando muitos a boicotar o açougue. Sob crescente pressão social, comercial e familiar, Aaron tenta romper laços com Ezri mas é incapaz de fazê-lo. Ezri encontra seu ex-namorado nas ruas de seu bairro, que abraça e agarra-lhe, sendo atacados por alguns moradores. Aaron testemunha o ataque, mas não intervém. Ele consola Ezri depois, mas ambos percebem que é hora de Ezri deixar a comunidade. Aaron continua a se angustiar por isso, pedindo compreensão e proteção de Rivka, sua esposa. Ele retorna de manhã cedo para o local onde ele tomou um banho com Ezri. Submerge-se na água por um longo período.[carece de fontes?]

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Ran Danker como Ezri
  • Zohar Strauss como Aaron
  • Ravit Rozen Tinkerbell como Rivka Fleischman
  • Tzahi Grad como Rabbi Vaisben
  • Avi Grayinik como Israel Fisher
  • Eva Zrihen-Attali como Sara
  • Mati Atlas como Ephraim

Premiações[editar | editar código-fonte]

Pecado da Carne concorreu na seleção oficial do Festival de Cannes 2009, na categoria "Un Certain Regard". Melhor Filme no International Ghent Film Festival de 2009.[carece de fontes?]

Portal A Wikipédia tem os portais:

Referências

  1. «Pecado da Carne». Brasil: AdoroCinema. Consultado em 17 de novembro de 2018 
  2. «British Federation of Films Societies» (Pdf). e-NEWSREEL (em inglês). Abril de 2010. p. 3. Consultado em 12 de novembro de 2013 
Ícone de esboço Este artigo sobre um filme israelense é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.