Elizabeth Henreid

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Elizabeth Henreid
Nome completo Elfried Louise Heymanns Machado
Nascimento 28 de agosto de 1928
São Paulo, São Paulo
Brasil
Morte 27 de dezembro de 2006 (78 anos)
São Paulo, São Paulo
Brasil
Ocupação Atriz
Atividade 1949-1997
Cônjuge Ruy Afonso (1951-2003)

Elizabeth Henreid (28 de agosto de 1928 - São Paulo, São Paulo, 27 de dezembro de 2006) foi uma atriz brasileira.

Iniciou sua carreira no Teatro Brasileiro de Comédia, sob a direção de Adolfo Celi, em 1949, na peça Luz de Gás. Participou de outras memoráveis encenações naquela companhia, como Volpone, de Ben Johnson, em 1955.

Na televisão, trabalhou em telenovelas como Livre Para Voar (1985), Deus nos Acuda (1992) e Os Ossos do Barão (1997).

No cinema, trabalhou no filme O Pão Que o Diabo Amassou[1] (1958).

A saúde de Elizabeth já estava debilitada desde agosto de 2006, quando sofreu quatro paradas cardíacas, decorrentes do Mal de Alzheimer.[2]

Foi casada com o também falecido diretor teatral Ruy Afonso.

Trabalhos na TV[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagem Notas
1997 Os Ossos do Barão Clélia
1992 Deus Nos Acuda Minouche Participação Especial
1985 Livre Para Voar Dona Xida [3]
1984 Tamanho Família Dona Eulália
1982 Nem Rebeldes, nem Fiéis
1961 A Muralha
1957 Grande Teatro Tupi (episódio:Pancada de Amor)

Trabalhos no Cinema[editar | editar código-fonte]

Ano Título Personagem
1957 O Pão Que o Diabo Amassou Ana

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]